Após eleição das zonais, PSDB Guarulhos escolherá novo presidente em abril

Lucy Tamborino

Com registro de furto de urnas, livros de atas e cédulas de votação, aconteceu neste domingo (24) a eleição das zonais do diretório municipal do PSDB. Apesar do ocorrido, o número mínimo de votantes foi alcançado e a chapa 1, encabeçada pelo empresário João Thomaz, eleita. Concorreram também ao pleito a chapa 2, encabeçada pelo vereador Lauri Rocha. A ocorrência do fato foi registrada no 1º Distrito Policial.

Com a eleição da chapa 1, os delegados que a integram e o atual diretório municipal do partido, devem escolher em abril a nova composição do diretório e da executiva. Essa última será composta, dentre outros cargos, pelo presidente do PSDB de Guarulhos.

Segundo Thomaz o sumiço dos itens e demais ocorridos no pleito de domingo vai contra os ideais do partido.  “Foi um desrespeito aos filiados do partido que foram votar. Nós acreditamos na política da democracia, da verdade e transparência e não da truculência”, criticou. Já o vereador Lauri Rocha descartou seu envolvimento no ocorrido.  “Eu não sei de nada. O partido vai se reunir e vai soltar uma nota oficial”, disse.

A eleição das zonais, antes suspensas pela Comissão Executiva Estadual, aconteceram após o presidente da Comissão Executiva Nacional do PSDB e ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, acatar o pedido de recurso do atual presidente municipal do partido, Marco Iannoni, e manter as eleições da sigla em Guarulhos.

Imagem: Lucy Tamborino