Cultura aumenta ocupação de espaços em Guarulhos

Da Redação

A secretaria de Cultura, desde o início da gestão, vem trabalhando para aumentar a ocupação em espaços culturais no munícipio. Prova disso, é o aumento de números de visitas do Adamastor Centro. De acordo com secretário-adjunto da pasta, Adalmir Abreu, de 2.400 visitas aos domingos em 2016, só em dois meses de 2017, o número saltou para mais de nove mil pessoas.

Abreu também destacou iniciativas como o projeto Café com Viola, o Sertanejo Raiz, além de teatros com peças gratuitas ou a preços populares. A expectativa é que Guarulhos se torne um polo cultural. “Acredito que já plantamos uma sementinha. A sociedade está participando. Pra ter uma sociedade mais justa e fraterna é necessário investir na cultura, se todo mundo abraçar não vai demorar muito tempo para que isso aconteça”, pontuou Abreu durante visita à Folha Metropolitana nesta sexta-feira (26). Ele foi recebido pelo advogado e diretor jurídico do jornal, Alexandre Cadeu.

Para ele, parcerias com a comunidade e a iniciativa privada são fundamentais para o desenvolvimento da cultura no munícipio. Ele defende que contrapartidas podem aliviar o orçamento do poder público e beneficiar a população. Outro projeto que está em andamento é disponibilizar um espaço para Ordem dos Músicos no GRU Airport – Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica.

Imagem: Lucy Tamborino