Canalização do rio Baquirivu deve ser entregue até julho

- PUBLICIDADE -
Corrida Folha Metropolitana

Lucy Tamborino

As obras de canalização de 2,7 quilômetros do rio Baquirivu-Guaçu no trecho entre a foz do rio até as proximidades do Parque Cecap, após a rodovia Presidente Dutra, estão previstas para serem concluídas até julho de 2019. A informação foi confirmada pelo Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAAE) responsável pela execução das intervenções.

As obras na região que ficou alagada nos recentes temporais que atingiram a cidade são parte integrante da 1ª Etapa do Parque Várzeas do Tietê e são previstos investimento de R$ 52,1 milhões.

A licença de instalação para a execução desse projeto, emitida no início do ano passado prevê uma série de condicionantes ao DAAE. Ainda o Termo de Compromisso de Recuperação Ambiental, emitido pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), prevê plantio compensatório, em contrapartida a autorização para supressão de vegetação, intervenção em Área de Preservação Permanente e corte de árvores isoladas.

As intervenções atualmente realizadas são continuidades do projeto para o rio Baquirivu-Guaçu. Em 2017 o DAAE entregou o desassoreamento de cinco quilômetros. Os serviços, que tiveram o investimento de R$ 3,5 milhões, resultaram na retirada de 20 mil metros cúbicos de sedimentos depositados no fundo do canal e 3,6 mil toneladas de lixo depositado nas margens, combatendo as enchentes nos bairros próximos ao aeroporto.

Imagem: Divulgação/PMG

- PUBLICIDADE -