Xiaomi ultrapassa Apple em venda global de celulares; Samsung lidera ranking

A chinesa Xiaomi ultrapassou a Apple pela primeira vez em vendas globais de celulares e ocupa agora a terceira posição de vendas entre as fabricantes, aponta uma pesquisa da consultoria IDC. O levantamento também mostra que a Samsung voltou a liderar a global de vendas de smartphones depois de registrar seu melhor lucro desde 2014 no terceiro trimestre – desbancando a Huawei depois de um trimestre.

Segundo os dados, a Samsung vendeu 80,4 milhões de celulares no trimestre que se encerrou em setembro e é hoje responsável por quase um em cada quatro smartphones vendidos em todo o mundo. Já a Huawei vendeu 51,4 milhões de aparelhos e viu seus negócios serem impactados nos últimos meses pelas sanções impostas nos Estados Unidos.

A Xiaomi vendeu 46,5 milhões de dispositivos no terceiro trimestre – quase 5 milhões a mais do que a Apple. A dona do iPhone, porém, teve os números afetados pelo atraso no lançamento do seu novo celular, que aconteceu só em outubro este ano.

A queda para a Apple era esperada, mas foi mais grave do que se previa: no período, as vendas de iPhones tiveram queda de quase 21% em receita, chegando a US$ 26,4 bilhões, sendo que analistas esperavam uma diminuição de 16% nas vendas.

De acordo com a IDC, as vendas globais de smartphones caíram 1,3% em relação ao ano anterior, mas a consultoria já sinaliza recuperação em mercados como Brasil e Índia.