Você está fazendo o que gosta?

Essa é uma pergunta engraçada de se fazer. Porque acreditamos que somos donos do nosso destino. E que a gente faz o que quer. Mas será que é sempre assim?

Do momento em que acordamos até o horário de deitarmos na cama para dormir a noite, fazemos todas as nossas vontades? Será que somos de verdade o capitão das nossas vidas? Ou só estamos passando pela vida como telespectador?

Hoje quando você vai para o trabalho ou faz alguma tarefa. Foi isso que você escolheu para o seu dia? A casa que você mora? As pessoas que te rodeiam? Os momentos que fazem parte do seu dia? Tudo foi você que escolheu e decidiu por isso?

É importante pensar nessas coisas, porque sua vida está passando e você pode estar congelado dentro dela. Apenas assistindo e não tendo a oportunidade de ser quem controla seus atos e o seu destino.

Podendo estar sendo escravizado dentro do próprio corpo. Fazendo coisas que não gosta e criando uma vida infeliz. Deixando essa inércia controlar cada vez mais sua rotina diária. E o mais alarmante é que, tudo isso está acontecendo dentro das nossas mentes.

Essa prisão é mental. E quando pensamos em tomar novas decisões, algumas crenças logo aparecem como alerta. Nos fazendo restrições. Mas quem as criou? E porque temos que segui-las? Já que tudo isso está no nosso imaginário.

Mas… podemos tomar as rédeas do nosso destino. Podemos mudar a rota da nossa vida. E quebrar essas barreiras que criamos para nos impedir de ser o que queremos ser. E ter as atitudes devidas para a mudança.

Conheço algumas pessoas que largam o emprego e começar a trabalhar com o que gosta (claro! que planejando). Já vi pessoas mudar de cidade para se sentir melhor e tudo bem! Elas estão transformando suas vidas.

 Agora te faço a pergunta de ouro: O que você quer para você? Quais são seus sonhos?

Agora que eles vieram a tona, ponha-os em prática. Monte um plano e vai para cima. Tira esses muros do medo e faça de você uma pessoa realizada. Você pode acertar e também pode errar. Mas fez o que tem que fazer, vai lá e faz. e VIVA. O mais importante é que você vai viver e experimentar a VIDA de verdade.

E numa outra oportunidade quando alguém perguntar para você: Se você está fazendo o que gosta? Desejo que a resposta seja sim. Seguindo com… estou vivendo minha vida de verdade!

Boa sorte!

- PUBLICIDADE -