Vitória se consolida como importante destino turístico

Baía de Vitória vista do Convento da Penha

Da Redação

A capital do Espírito Santo, Vitória é uma localidade com belas praias e atrações culturais, muitas no centro, como a Igreja de São Gonçalo, o Palácio Anchieta e o Theatro Carlos Gomes.

É na cidade que está a Catedral Metropolitana de Vitória que começou a ser construída em 1920 e foi concluída em 1970. Símbolo de Vitória, foi tombada pelo Conselho Estadual de Cultura em maio de 1984. Destaca-se no ambiente por sua imponência e por possuir arquitetura eclética com característica neogótica. Tem como destaque os vitrais de suas paredes.

É possível encontrar obras importantes na cidade, como a Terceira Ponte, que conecta Vila Velha à parte norte da ilha, além de bares e boates que agitam a vida noturna, como os do Triângulo das Bermudas (Praia do Canto) – o Triângulo das Bermudas compreende o trecho entre as ruas Joaquim Lírio e João da Cruz e recebeu dos boêmios esse nome há mais de duas décadas. Os balneários de Ilha das Caieiras e Curva da Jurema têm restaurantes na orla que servem a tradicional moqueca capixaba. A iguaria é usualmente preparada em panelas de barro, e a produção delas pode ser vista no Galpão das Paneleiras de Goiabeiras, revitalizado em 2011.

O Sol é garantido na época do verão e nas férias de julho. A chuva costuma ser frequente entre outubro e dezembro, mas não impede a visitação ao município, que possui diversas outras opções além do segmento sol e praia. Há diversas festas e festivais que enaltecem as delícias típicas da gastronomia da região. Em março, por exemplo, existe a Festa da Torta Capixaba e no mês de novembro tem o Festival da Panela de Barro.

Imagem: Fernando Michel/Estadão