Vítima fatal de dengue era um homem de 42 anos

Mayara Nascimento

Na quinta-feira (05) foi confirmada a primeira morte do ano causada por dengue na cidade. O homem de 42 anos era morador do Jardim Almeida Prado. Segundo a Secretaria da Saúde, a vítima procurou um hospital da rede privada em Guarulhos quando começou a sentir os principais sintomas da picada do mosquito Aedes aegypti, como por exemplo, febre alta, dores musculares intensas e dor ocular, mas mesmo assim veio a óbito.

As ações de combate ao mosquito transmissor são contínuas e sistemáticas na cidade, e sempre que há confirmação de caso positivo em determinada região, a Pasta intensifica o trabalho no local. Guarulhos registrou 6.286 casos da doença segundo o último balanço divulgado na quinta-feira (05). A prefeitura está trabalhando em parceria com a Força Aérea e a EDP para ajudar na fiscalização de possíveis criadouros de larvas nas residências e combater o mosquito transmissor. É importante que os moradores permitam que os agentes realizem a fiscalização e a orientação dentro das casas para que o número casos na cidade continue caindo.

Imagem: Divulgação/PMG