Valor sonegado por guarulhenses é quase o triplo do pago em impostos em 2018

Por Rosana Ibanez

O total de impostos sonegados pelos guarulhenses já ultrapassa R$ 913,3 milhões neste ano. Isso significa que deixou de entrar nos cofres públicos R$ 676,97 sonegado por cada cidadão. Os dados foram obtidos através do Sonegômetro, o placar online da sonegação fiscal no Brasil desenvolvido pelo Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz) que permite acompanhar em tempo real o quanto se deixa de arrecadar todos os dias.

No entanto, o montante é quase o triplo do valor pago até o momento em impostos. De acordo com o Impostômetro da Associação Comercial e Empresarial (ACE) de Guarulhos, até a última sexta-feira (23), a população já pagou R$ 314,8 milhões em impostos – o que equivale a R$ 233,34 por habitante.

No país, já foram sonegados neste primeiro trimestre R$ 131,3 bilhões em impostos. O montante seria suficiente, por exemplo, para construir mais de 4.559.444 postos de saúde equipados, construir mais de 9.515.385 salas de aula ou pagar mais de 193.676.710 salários mínimos.

Para chegar ao índice de sonegação, o levantamento do Sinprofaz selecionou 13 tributos que correspondem a 87,4% da arrecadação tributária no Brasil, sendo os principais itens analisados os impostos de Renda (IR), sobre Produtos Industrializados (IPI), a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins), os impostos sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e sobre Serviços (ISS), além das contribuições dos empregadores para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e os pagamentos de patrões e empregados ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Foto: Rômulo Magalhães