Stap garante no TRT não-desconto dos dias de greve na Proguaru

O Sindicato dos Trabalhadores na Administração Pública Municipal de Guarulhos participou quinta (25) de audiência online de instrução e conciliação no Tribunal Regional do Trabalho de SP. A pauta foram os cinco dias de greve na Proguaru.

Após mais de duas horas, ficou decidido que não haverá desconto dos dias parados e se formará comissão entre Sindicato, Proguaru e Prefeitura pra tratar de um plano pró-continuidade da empresa. Dia 6 de abril, acontece a primeira reunião.

O Sindicato foi representado pelo presidente Pedro Zanotti Filho, a diretora Renata Grota e o advogado Marcelo de Campos Mendes Pereira. O dr. Marcelo explica: “Dia 30 não haverá descontos. Mas os dias parados deverão ser compensados. A forma como isso se dará será debatida dia 6”.

O presidente Pedro reafirma: “O Sindicato atua em várias frentes tentando manter empresa e empregos”. A direta Renata destaca a qualidade dos serviços. “A Proguaru é um patrimônio da cidade. A empresa tem viabilidade. Os trabalhadores procuram fazer o melhor. Pedimos que a população também nos apoie”, comenta.