SP expande oferta de serviços digitais do Poupatempo

Segue intensa a atuação do Governo do Estado de São Paulo para digitalizar os serviços públicos em sua totalidade. No início desta gestão, em 2019, a modalidade online representava 3% dos préstimos realizados pelo Poupatempo, ou 886 mil pessoas atendidas. Em julho deste ano, mais de 16 milhões de paulistas já aderiram a esta facilidade – apontando que 82% dos usuários recorreram aos serviços remotos oferecidos pelo programa que, ano após ano, vem sendo escolhido como o mais bem avaliado oferecido pelo poder público. 

A proposta de um governo digital e a ampliação dos serviços online logo nos primeiros dias desta administração integraram o pacote de metas anunciado pelo governador João Doria e pelo vice-governador de São Paulo e secretário de Governo, Rodrigo Garcia. Em meio à maior crise sanitária dos últimos 100 anos, a intensificação das ações tornou as soluções desenvolvidas pela Prodesp em um verdadeiro legado. Memoráveis, tais esforços merecidamente elevaram a companhia ao patamar de maior empresa estadual de tecnologia do Brasil.  

A estratégia integrante da condução de São Paulo a uma profunda transformação digital possibilitou que pessoas acessassem serviços públicos nos canais eletrônicos de modo simples, intuitivo e acessível. Mesmo em meio aos mais duros períodos restritivos de mobilidade, o portal e o aplicativo do Poupatempo garantiram atendimento online com a mesma qualidade e eficiência do presencial. 

Apesar das duras medidas impostas pela pandemia, entregamos 275 mil habilitações no trimestre de fevereiro a abril deste ano. E ainda que o órgão federal de trânsito tenha mantido os prazos de vencimentos das CNHs suspensos por tempo indeterminado, seguimos evoluindo: nos meses de maio junho e julho de 2021, foram mais de 374 mil documentos entregues também via solicitação pelo Poupatempo Digital – tudo para evitar o represamento das carteiras de trânsito. Com o aparelho celular transformado em uma unidade dedicada do Poupatempo, cada proprietário pode demandar suas necessidades de modo autônomo, 24 horas, sete dias por semana. 

Os êxitos alcançados até o momento nos motivam a fazer ainda mais, sempre prevendo racionalidade de custos, e avançando em cada etapa de integração, desburocratização e agilidade para facilitar a vida de todos os brasileiros de São Paulo. Trabalhamos para, até 2022, oferecer 240 serviços digitais diferentes. A busca incessante da Prodesp, a empresa de Tecnologia do governo estadual que administra o programa Poupatempo, é se adiantar às necessidades de uma sociedade cada vez mais digital.  

Seguiremos atendendo com a mesma dedicação e conforto, oferecendo às pessoas a possibilidade de realizar consultas e serviços na palma da mão, com a qualidade e a eficiência que elas já se acostumaram a ter presencialmente. 

André Arruda, presidente da Prodesp 

- PUBLICIDADE -