Seis empresas são consideradas habilitadas na licitação da nova sede da Câmara

Lucy Tamborino

A Câmara divulgou no Diário Oficial desta sexta-feira (08) o nome das empresas habilitadas e inabilitadas na licitação para a reforma e ampliação da nova sede da Câmara Municipal, no prédio da antiga fábrica de Tapete Lourdes, na Vila Augusta. Ao todo, seis empresas foram consideradas habilitadas, das 13 que apresentaram documentação para participar do certame.

Entre as habilitadas estão: Vpp Engenharia Eireli; Esteto Engenharia e Comércio LTDA; Mpe Engenharia e Comércio LTDA; Itália Engenharia e Construções LTDA; Serg Paulista Construções e Serviços Técnicos LTDA e Engetal Engenharia e Construções LTDA. Já as inabilitadas estão Lopes Empreiteira e Serviços LTDA-ME; Spalla Engenharia Eireli, Teto Construtora S.A, Cld Construtora, Laços Detetores e Eletrônica LTDA; Solovia Engenharia e Construções LTDA e Shopsigns Obras e Serviços LTDA. A empresa Informov LTDA desistiu da concorrência. Com a divulgação, começa a correr os prazos de recursos, contrarrazões, julgamento pela comissão de licitações, publicação e a abertura das propostas comerciais.