Rua no Jardim Kátia racha ao meio após movimentação de terra

Mayara Nascimento

A rua Luiz Borges de Medeiros, no Jardim Kátia, rachou ao meio na última quarta-feira (26) e 11 famílias tiveram que deixar suas casas. O problema começou após movimentação de terra em um terreno que estava em obras na mesma rua.

O prefeito esteve no local do incidente três horas após o ocorrido, liderando uma força tarefa para garantir a segurança dos moradores. Na noite de quarta-feira (26) para quinta-feira (27), os moradores foram para um hotel pago pela empresa Nautika, responsável pela obra. A Defesa Civil notificou 11 famílias, sendo 40 adultos, seis adolescentes, oito crianças e dois idosos.

Apesar de a obra ser particular, a Prefeitura esteve presente atuando no que compete ao poder público. Entre as equipes também estavam a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (SDU), a Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos S. A. (Proguaru), Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Guarulhos e Defesa Civil.

No último relatório emitido na sexta-feira (28), a Proguaru, responsável pelo monitoramento dos taludes e muros, informa que está tudo dentro da normalidade. O Saae informou que a água na região foi restabelecida e a Defesa Civil esclareceu que o local encontra-se sem emergência. A SDU ressalta que a empresa foi notificada para tomar as providências cabíveis.

Imagem: Divulgação