Rodovias que cortam Guarulhos registraram 84 focos de queimadas em 2017

Da Redação

As três rodovias que cortam Guarulhos – Ayrton Senna, Fernão Dias e Presidente Dutra – registraram 84 focos de queimadas no ano passado.

A via com maior incidência é a Ayrton Senna com 60 registros. Segundo a Ecopistas, concessionária que administra a via, neste ano já foram contabilizados 55 registros. Em segundo lugar está a via Dutra com 19 registros em 2017; neste ano foram oito casos, conforme dados da CCR NovaDutra. Já na Fernão Dias, foram cinco registros no ano passado e dois em 2018, de acordo com informações da Autopista Fernão Dias.

As queimadas às margens das rodovias são causadas, principalmente, por bitucas de cigarro acesas, jogadas pelos motoristas ou passageiros de veículos. Outros fatores que contribuem para os incêndios em vegetação são o descarte de lixo de forma irregular e a queda de balões.

Além de provocarem danos ambientais, as queimadas também reduzem a segurança, uma vez que a fumaça prejudica a visibilidade dos motoristas, aumentando o risco de colisões traseiras.

A CCR NovaDutra realiza anualmente uma campanha de conscientização, com o objetivo de orientar os motoristas sobre como se comportar caso se deparem com focos de queimadas durante a viagem e sobre como evitá-las.

A Autopista Fernão Dias também orienta que os usuários devem entrar em contato com a concessionária e tomar algumas precauções ao se deparar com algum foco de incêndio na via como fechar o vidro do veículo, manter distância segura do veículo da frente, trafegar com farol baixo aceso, não ligar o pisca alerta com o veículo em movimento e não parar na faixa de rolamento.

Já a Ecopistas dispõe de um protocolo de atuação em caso de incêndio dentro da faixa de domínio e atua efetivamente em ocorrências desse tipo às margens das rodovias que administra.

Foto: Jair Xavier