Renovada, parceria com Marconi continua rendendo bolsas de 50% a atletas do Guarulhense

Lucas Canosa

Parceiros há três temporadas, Atlético Guarulhense e Colégio Marconi renovaram, mais uma vez, o acordo que se estenderá durante o ano de 2021. A instituição, que tem acumulado conquistas esportivas, festejou a renovação.

O diretor de Esportes do Marconi, Cássio Souza, lembra que a parceria faz bem às partes interessadas e que o maior beneficiado é o bolsista. “Toda parceria é bem-vinda, ainda mais quando agrega e é boa para ambos os lados. A gente pode dizer que é bom para o Guarulhense, que pode oferecer algo bom ao atleta, principalmente na parte de educação. E é bom para o colégio, que tem no seu quadro a inclusão de alunos que podem representá-lo, não só nas competições esportivas, como em outros eventos”, afirma Souza.

O docente também ressalta o ‘peso’ esportivo que a camisa da escola tem ganho nos últimos anos, sobretudo dentro da cidade. Em 2019, na última Olimpíada Colegial Guarulhense – em 2020 não houve competição por causa do coronavírus – o Marconi foi campeão sem nenhum bolsista integral em seu quadro. “Eu cheguei em 1998 e no ano seguinte tivemos uma participação simplória. Contudo, a escola foi pegando gosto, os mantenedores foram acreditando no projeto e, com o passar dos anos, evoluímos. Chegamos em quarto, terceiro, segundo e conquistamos em 2019”, complementa Cássio.

Apesar do bom momento, ele lembra que as vitórias não ‘caíram’ no colo e que foi preciso inscrever o colégio em outros eventos de grande porte. “São vários processos que fizeram a gente chegar até aqui, como parceria com os clubes e participação em diversos campeonatos. Além da OCG, jogamos, por exemplo, Circuito Escolar do Grande ABC, Jeesp (Jogos Escolares do Estado de São Paulo), Copa Integração e outros campeonatos que fazem o atleta conhecer o ‘friozinho na barriga’ de uma competição”, enfatiza.

O atleta do Guarulhense tem 50% de desconto nas mensalidades em todas as unidades do Marconi. Ao todo, são seis espalhadas em Guarulhos, ensinando e orientando o aluno desde criança até o momento do vestibular. Entretanto, os pais devem procurar a direção do clube para receber uma carta de encaminhamento garantindo o benefício. Outro fator importante é que haja comprometimento com os sonhos da escola, que pensa grande. “Quero ser campeão da OCG com o título em todas as modalidades e categorias. É difícil, mas a gente quer aumentar nossa participação em campeonatos escolares, estaduais e federais também”, finaliza o diretor.

Para o presidente do Guarulhense, Carlos Alberto Fernandes, o Carlinhos, a parceria cumpre papel fundamental na linha de raciocínio do clube que, pra ele, vai além dos resultados em quadra. “É importante o acordo com uma instituição de ensino, pois acreditamos que o atleta precisa desempenhar em quadra, mas o gol de placa é o estudo. Não sabemos ao certo quem será jogador de futebol, porém é crucial que ele seja um bom estudante para se tornar um bom profissional no futuro, em qualquer área. O Marconi vem ao encontro do nosso pensamento e é o maior colégio da cidade hoje. Ótimo para os dois lados, que na verdade se tornam um só”, argumenta Carlinhos.

Segurança em meio à pandemia

Preocupado com a saúde dos alunos, colaboradores e familiares, o Marconi tem feito um excelente trabalho para proporcionar um ambiente seguro e saudável no retorno às aulas. Em andamento, o acolhimento pós-férias tem recebido estudantes e proporcionado atividades lúdicas e interativas que estimulem a vontade de estudar das crianças, após meses afastadas da escola.

Na entrada, é realizada a aferição de temperatura. Há cartazes informativos e totens de álcool gel nas dependências das unidades. O tradicional cumprimento ao professor, por exemplo, não é mais o mesmo, sem deixar de garantir um momento de descontração entre aluno e mestre. Adesivos foram colados nas carteiras que não devem ser utilizadas por estudantes e higienização constantes dos ambientes para evitar qualquer contaminação.

Contudo, para quem ainda assim não se sentir seguro com a ida ao colégio, não haverá tal obrigação. A instituição continuará, a exemplo do que fez em 2020, disponibilizando as aulas na plataforma online, possibilitando que o aluno realize as tarefas de forma remota. Não há necessidade de acompanhamento ao vivo, o que facilita para famílias com mais de um filho, impedindo que a casa vire uma lan house, por exemplo.

O atleta do Guarulhense que quiser fazer parte do maior colégio de Guarulhos deve comunicar o seu professor, que levará o caso à coordenação. Em um prazo curto, a carta de encaminhamento estará disponível para conciliar com visita e matrícula em uma das unidades do Marconi.