Relatório do IPT aponta que 70% das grandes falhas de construção do Rodoanel Norte estão nas obras em Guarulhos

Rosana Ibanez – Diretora de Redação

O relatório elaborado pelo Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) aponta que 67% das falhas consideradas grandes na construção do Trecho Norte do Rodoanel estão nos três lotes da obra em Guarulhos. Segundo o laudo, foram classificados como grandes 59 pontos, destes 40 estão na cidade, sendo oito no Lote 4, 14 no Lote 5 e 18 no Lote 6.

No total, o IPT identificou 1.291 falhas na construção do trecho Norte, caracterizando 64% delas como pequenas e/ou insignificantes, 31% como médias e 5% como grandes – sendo estas últimas relacionadas a amplitude e tamanho e não a gravidade da magnitude.

Os dados foram divulgados ontem durante audiência pública realizada pelo governo do estado para apresentar o projeto de retomada da construção, parada há cerca de dois anos. O edital, juntamente com o laudo técnico que será anexado, deve ser publicado no próximo dia 31.

Segundo a apresentação, as obras estão em estágio avançado com perspectiva de conclusão total da construção para 2020, sendo o Lote 1, com 74% das intervenções concluídas; Lote 2 com 91%; Lote 3 com 80%; Lote 4 com 94%; Lote 5 com 97% e o Lote 6 com 72%. O que faz este último estar com a construção atrasada é a ligação com o GRU Airport – Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, onde ainda faltam algumas desapropriações e tratativas da concessionária junto ao governo federal para o acesso. Ainda assim, o cronograma da obra estima a entrega dos lotes 1 e 3 em 24 meses e o restante em 12 meses. No caso do Lote 6 são necessários mais 12 meses para a conclusão do acesso ao terminal de Cumbica.

Imagem: Mayara Nascimento