Rede Municipal de Educação de Guarulhos mostra evolução e aumenta nota do IDEB em 3,3%

Escola municipal de Guarulhos no Jornal Folha Metropolitana. Estudante. Aluno. Criança. Rede Municipal de Educação de Guarulhos

Da Redação

Muito trabalho, investimentos na formação de professores, criatividade, atividades diversas, novos programas e eficiência na grade curricular fizeram com que a Rede Municipal de Ensino de Guarulhos se destacasse na avaliação do IDEB – Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – de 2017. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), do Ministério da Educação (MEC), divulgou na segunda-feira (03) o resultado que apresentou a elevação da nota da cidade de 6.0 para 6.2, representando um aumento de 3,3% nos últimos dois anos.

Com a nota alcançada, o município de Guarulhos superou a meta projetada para o ano de 2017 de 5.8, e ultrapassou a meta prevista para 2019, que era de 6.1. Dessa maneira, a Rede Municipal se aproximou da meta de 2021, que é 6.3, consolidando a efetivação de um programa educacional transformador e de qualidade para todos.

De acordo com o secretário da Secel (Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer), João Carlos Pannocchia, as Escolas da Prefeitura têm muito que comemorar, sobretudo pelo esforço dos professores e de profissionais comprometidos com a aprendizagem das crianças.

“A elevação do IDEB só foi possível graças ao esforço e dedicação dos profissionais da Educação e de toda a equipe escolar no processo de aprendizagem. Gostaria de parabenizar e agradecer todos os educadores e os alunos de todas as nossas escolas”, comemora o secretário.

O IDEB mede a qualidade de cada escola e de cada rede de ensino a partir do indicador calculado com base no desempenho do estudante em avaliações do INEP e em taxas de aprovação. O índice é medido a cada dois anos e o objetivo é que o país, a partir do alcance das metas municipais e estaduais, tenha nota 6, em 2021. Na Rede Municipal de Guarulhos, o IDEB avalia os 4ºs e 5ºs anos do Ensino Fundamental.

Outras ações também foram fundamentais para que a Rede Municipal de Guarulhos pudesse ultrapassar a meta projetada para 2017, como a implantação do Programa Educa Mais, a importante parceria com a Fundação Lemann, o Programa de Formação de Professores, entre outras.

 

Desenvolvimento

Para a diretora do DOEP (Departamento de Orientações Educacionais e Pedagógicas) Zenaide Clemente Evangelista Cobucci, o resultado do IDEB é o reflexo do desenvolvimento da aprendizagem dos alunos da Rede Municipal.

“Continuamos avançando, e isso, hoje, é o mais importante, ao compararmos os nossos resultados que estão equivalentes às melhores capitais e cidades para se viver. Isso de fato é o resultado de um trabalho em conjunto, mas é primordial lembrarmos que devemos tal resultado principalmente aos nossos professores, que com esforço e garra trabalham para garantir o direito de aprender de cada educando”, destaca.

Zenaide explica ainda que o papel do DOEP tem sido subsidiar e fortalecer esses profissionais com formações em hora-atividade, cursos do Cemead (Centro Municipal de Educação a Distância Maria Aparecida Contin) e presenciais, e o acompanhamento pedagógico e psicológico dos alunos realizados pelos técnicos da Secretaria.

Imagem: Mauricio Burim