Reabertura do antigo viaduto de Bonsucesso impacta positivamente no trânsito da região

O antigo viaduto de Bonsucesso segue funcionando normalmente para o retorno de veículos pequenos e motocicletas. Sua reabertura no último sábado (28) foi uma maneira encontrada pelo Departamento de Trânsito de Guarulhos para desafogar o fluxo no Trevo de Bonsucesso e já tem resultado em grande diminuição no tráfego da região, pois facilita a vida dos motoristas que seguem no sentido Rio de Janeiro, mas precisam retornar para a região do Jardim Presidente Dutra.

A reabertura desse viaduto foi feita após a aprovação da Polícia Rodoviária Federal, da concessionária CCR NovaDutra, responsável pela rodovia Presidente Dutra, e da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Na última quarta-feira (2) aconteceu uma breve interdição de 15 minutos no tráfego para a instalação de uma estrutura com uma placa informativa da restrição de passagem para apenas automóveis e motos, além de placas de trânsito indicando tráfego proibido para caminhões e altura máxima de 2,5 metros.


A descida pela alça do lado esquerdo, que levaria ao posto Sakamoto, não é permitida pela CCR NovaDutra pelo fato de ainda não haver pista de rolamento para a saída segura dos veículos.

Para a reabertura desse acesso foram realizadas obras de infraestrutura, como recapeamento e pintura de faixas, além de testes de peso para a liberação da estrutura com total segurança. Na noite desta quarta-feira (2) foi instalado um letreiro luminoso para melhorar a sinalização na entrada do antigo viaduto do Trevo de Bonsucesso.

Junto com a reabertura, duas novas rotas alternativas de trânsito foram implantadas para fluir melhor o trânsito no Trevo (com a retomada das obras para a finalização do complexo viário) para facilitar o acesso dos motoristas à rodovia Presidente Dutra e dar maior mobilidade ao trânsito.

Hoje os motoristas que saem do Shopping Bonsucesso sentido São Paulo podem enfrentar, em alguns momentos do dia, um congestionamento pela dificuldade que os caminhões têm de contornar a alça. Essa morosidade se prolonga até a avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira.

Uma das novas rotas foi implantada pela rua Mônica Aparecida Moredo, com entrada direta à pista lateral da rodovia, e a outra destinada aos caminhões que seguem pela avenida Paschoal Thomeu, entram à direita na avenida Armando Bei, rua Tamotsu Iwasse, estrada Velha Guarulhos-Arujá e depois podem acessar a rodovia.

Placas indicativas já foram colocadas no local e faixas também servem de orientação para os usuários. Durante o horário comercial há um serviço de guincho permanente para retirar carros que tenham problemas mecânicos e possam interferir no trânsito.