Proguaru inscreve cinco projetos para o Selo Ambiental 2018

A Proguaru (Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos S/A) inscreveu cinco projetos voltados ao meio ambiente para participar da 14ª edição do Selo Ambiental de Guarulhos, premiação concedida pela Câmara Municipal e Prefeitura de Guarulhos.

Dos cinco projetos, três já se encontram em funcionamento: o Cesto de contenção de resíduos de bocas de lobos, Fossa Séptica Biodigestora da Usina Recicladora e o Muro Verde. Outras duas ações, Calçada Verde e o Viveiro de Mudas no Centro Operacional São João, ainda não foram implementados pela empresa.

O Cesto Coletor de Resíduos começou a ser testado pela Proguaru em novembro de 2017, com a instalação de equipamentos em bocas de lobo localizadas na avenida Armando Bei, em Bonsucesso. O cesto já vem sendo produzido pela própria empresa para ser implementados em outros locais da cidade.

A Fossa Séptica Biodigestiva encontra-se em funcionamento na Usina Recicladora da Proguaru, localizada no Cabuçu. No local, os afluentes derivados dos sanitários são tratados sem a utilização de produtos químicos. O efluente produzido pode ser utilizado como fertilizante para o solo, além de evitar o lançamento do esgoto sanitário in natura nos cursos de águas.

Já o Muro Verde acabou de ser concluído pela empresa, com a implementação de jardins verticais logo da entrada da sede que fica na avenida Arminda de Lima.

O Viveiro de Mudas trata-se de um projeto que visa implantar em uma área localizada no Centro Operacional São João da Proguaru um viveiro para produção de mudas.

Por fim o projeto Calçada Verde consiste em três objetivos: aumentar as áreas verdes através da execução de pequenas faixas verdes nas calçadas existentes; promover a absorção das águas de chuvas e das águas que escoam sobre as calçadas; e diminuir o volume de água que escoa pelas vias públicas.

Os ganhadores do Selo Ambiental serão conhecidos em cerimônia que ocorrerá em 5 de junho, às 19h30, no Teatro Adamastor.

Foto: Rafael dos Anjos/Comunicação Proguaru