Prêmio Guarulhos de Literatura busca transformar a cidade em polo literário

Por Pedro Lacerda

Em seu segundo ano de edição, o Prêmio Guarulhos de Literatura já prestigiou diversos escritores, poetas e crônicas da cidade. Dividido em cinco categorias, a premiação visa, além da coroação dos vencedores, a continuidade dos participantes em seguirem se aperfeiçoando dia após dia.

Idealizador do prêmio, Auriel Filho, 48, escritor formado em Psicologia pela FIG, informa que o objetivo vai além do título e que o concurso serve justamente para instigar os participantes a darem o seu melhor e aguçarem seus dons literários, sobretudo os jovens.

“Uma das grandes dificuldades encontradas pelos estudantes é a interpretação de texto, que acarreta em erros cruciais para suas vidas acadêmicas, por isso a importância deste prêmio, que não só tem a intenção de coroar os primeiros colocados, mas também de reforçar o trabalho das escolas a desenvolver um trabalho aprofundado em salas de leitura, oficinas literárias, entre outros”, destaca.

“Jovem Escritor”, “Empreendedorismo”, “Livro do Ano”, “Escritor do Ano” “Poesia”, são as categorias do prêmio que serão julgadas por um júri técnico e um júri popular, ambas compostas por 30 pessoas. As categorias livro e escritor do ano são de autores que lançaram suas obras até 2017. Já os interessados nas demais áreas deverão se inscrever no site www.pgliteratura.com.br, até o dia 30 de maio. Até o momento, 53 escolas públicas e particulares do município foram visitadas pelo autor do prêmio, que busca apoio das instituições.

Foto: Pedro Lacerda