Prefeitura abre as comemorações do 12º aniversário da Lei Maria da Penha

Assunto:Lei Maria da Penha 12 anos Local:Auditório do Paço Data:07.08.2018 Foto:Sidnei Barros/PMG

O dia 07 de agosto de 2018 marca os 12 anos da criação da Lei Maria da Penha. Para celebrar esse importante marco para a sociedade, a prefeitura de Guarulhos, por meio da Subsecretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), vinculada à Secretaria de Assuntos Difusos, realizou na manhã desta terça-feira (7), no auditório do Paço Municipal, a abertura oficial das comemorações, cujo tema é “Violência Contra a Mulher: Quem Cala Consente”. Além disso, o mês de agosto terá uma extensa programação de palestras em toda a cidade.

Participaram da solenidade o prefeito Guti, o secretáriode Assuntos Difusos Lameh Smeili, a subsecretária de Políticas para as Mulheres, Verinha Souza; Gilvan Passos, Secretário de Segurança Pública, a Major da Polícia Militar, Marta das Graças de Souza e Sousa;Luciana Lopes, delegada da Delegacia de Defesa da Mulher, Fabíola Sucasas, Promotora de Justiça do Ministério Público de São Paulo, Delegada Rosmary Corrêa, Subprefeita Regional Santana, Margarete de Camargo, presidente do Conselho de Políticas para as Mulheres e os vereadores Rafa Zampronio, Carol Ribeiro, Sandra, Janete Lula Pietá e o deputado estadual, Gileno.

O evento expôs os dados atualizados do Mapa da Violência e apresentou o projeto “E eu com isso?”, quepropõe que as pessoas deixem de ser omissas a qualquer situação de violência, mostrando que esse tipo de problema não e só do vizinho, mas sim de todos.Para a subsecretária Verinha Souza, os dados recentes do município mostram que há muito a ser combatido.“Essa doença social precisa ser tratada e receber atenção de todos”, ressaltou.

Junto aos presentes, a subsecretária anunciou a mais nova conquista do atual governo: a Patrulha Maria da Penha, que irá trabalhar pela proteção, prevenção, monitoramento e acompanhamento das mulheres vítimas de violência doméstica ou familiar que possuam medidas protetivas de urgência. O Secretário de Segurança Pública, Gilvan Passos, entregou ao prefeito Guti as chaves das viaturas que serão utilizadas pelapatrulha.

Para o prefeito Guti, esse é um momento extremamente importante para a cidade. “A entrega dessas duasviaturas específicas para a Patrulha Maria da Penhamostra o respeito do Governo com esse trabalho e o nosso compromisso de garantir a segurança das mulheres e de lutar para que abusos não sejam cometidos em qualquer hipótese”, afirmou o prefeito.

Para o Secretário de Assuntos Difusos, Lameh Smeili “é importante que essa lei seja colocada na prática e que ela possa inibir e exterminar de vez com essa onda de violência que persegue todas as mulheres”, disse Smeili.

Emoção

O depoimento de uma das mulheres atendidas pela Casa das Rosas, Margaridas e Betes (cujo nome será preservado) e que foi vítima de violência doméstica,emocionou a plateia e mostrou que, por vezes, a situação de violência está enraizada na nossa sociedadee que precisamos combatê-la desde cedo. “Desde pequena, eu fui criada para ficar calada. Minha mãe dizia que não era pra eu responder, porque senão iríamosapanhar. E anos depois casei com um homem que também me violentava, fisicamente e verbalmente”, lembrou, entre outros trechos marcantes.

Programação

Até 29 de agosto serão realizadas diversas atividades alusivas ao tema “Violência Contra a Mulher: Quem Cala Consente” em toda a cidade:

08/08, às 9h, CRAS Santos Dummont – Aberto ao Público

10/08, às 14h, Local Fundação Casa Itaqua – Adolescentes Internos

14/08, às 14h, Casa Clara Maria Recreio São Jorge – Aberto ao Público

15/08, às 14h, Casa Clara Maria Haroldo Veloso – Aberto ao Público

17/08, às 9h, ONG Batuíra – Aberto ao Público

17/08, às 9h, Adamastor Centro – Auditório 2B – Participantes da Rede de não Violência

21/08, às 13h, Casa Clara Maria Recreio São Jorge – Aberto ao Público

22/08, às 10h, Espaço Mulher Clara Maria Pimentas – Aberto ao Público

23/08, às 10h, na Casa Clara Maria Bom Clima – Aberto ao Público

28/08, às 13h, Espaço Mulher Clara Maria Ponte Alta (CEU) – Aberto ao Público

29/08, às 14h, Casa Clara Maria Jd. Tranquilidade – Aberto ao Público

29/08, às 10h, Casa das Rosas, Margaridas e Betes – Atendidas no Serviço