Polícia apreende mais de 500 animais entre tartarugas, gaviões e iguanas em bagageiro de ônibus

Por Rosana Ibanez

A Polícia Civil prendeu na madrugada de ontem uma mulher e mais dois homens transportando mais de 400 animais silvestres em condições degradantes.

No total foram resgatados 427 tartarugas, 87 iguanas, 23 pássaros diversos, 21 saguis, duas corujas e dois gaviões em caixas de madeira que estavam no bagageiro de um ônibus fretado. O veículo saiu da cidade de Senhor do Bonfim (BA) na última terça-feira (17) com destino a capital.

A apreensão ocorreu após uma denúncia anônima. O ônibus foi interceptado às 4h na rodovia Ayrton Senna, em Guarulhos, e parado no acesso ao Jardim Helena, zona leste de São Paulo.

Os suspeitos disseram que não estavam juntos. A mulher, que transportava a maior quantidade, disse a polícia que iria comercializar os bichos. Já os homens informaram que os pássaros não seriam vendidos e sim criados em cativeiro.

A Delegacia do Meio Ambiente de Guarulhos abriu inquérito para investigar se o trajeto entre Bahia e São Paulo virou rota para o transporte ilegal de animais silvestres.

Os animais foram encaminhados ao Centro de Triagem de Animais Silvestre do Parque Ecológico do Tietê onde serão reabilitados para voltar à natureza. Alguns não resistiram e foram encontrados mortos. Os demais, desidratados e desnutridos, passarão por um tratamento especial até poderem voltar à natureza.

Os suspeitos vão responder pelos crimes de caça e maus-tratos de animais silvestres. As penas variam de três meses a um ano. Eles foram liberados.

Foto: Secretaria do Meio Ambiente de Guarulhos