PF pede à Justiça transferência de Lula por conta de despesas

Da Redação

Alto custo fez com que a Polícia Federal solicitasse a transferência do ex-presidente da sede

A Polícia Federal (PF) solicitou a transferência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva da sede da superintendência em Curitiba. O pedido foi feito em ofício à juíza Carolina Lebbos, titular da 12ª Vara Federal de Execuções Penais. Lula cumpre pena na PF desde o último dia 7 pela condenação no caso do tríplex do Guarujá.  Ele foi sentenciado a 12 anos e um mês de prisão.

A PF não especifica no documento para onde o petista deve ser levado, mas justifica o pedido alegando os gastos altos e transtornos para a rotina da superintendência. Os gatos chegariam a R$ 300 mil por mês. O montante seria usado com diárias de policiais, passagens e deslocamentos de pessoal de outras unidades para reforçar a segurança da superintendência.

Além disso, delegados demonstram preocupação com o entorno do prédio onde Lula está preso no dia 1º de maio, Dia do Trabalhador. Na data, o PT planeja fazer uma série de atos em defesa do ex-presidente nas proximidades.

Agora caberá a magistrada analisar se mantém o petista na PF ou se o encaminha a um presídio, onde delegados consideram mais adequado que Lula fique para cumprir pena.

Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO