PF incinerou mais de 350 Kg de drogas apreendidas em sua maioria no Aeroporto de Guarulhos

Da Redação

A Polícia Federal incinerou hoje em um alto-forno localizado no interior do estado, mais de 350 kg de drogas.

Após autorização judicial, equipes de policiais federais, em comboio, escoltaram uma carga de drogas composta em sua maioria (99%) por cocaína, até um alto-forno localizado no interior do estado, para que fosse incinerada. O processo de incineração foi acompanhado por peritos federais, servidores da vigilância sanitária local e pelos responsáveis pela guarda das substâncias ilícitas.

A droga incinerada deu origem a cerca de 90 inquéritos policiais e resultou na prisão de mais de 80 pessoas, que tentaram embarcar para o exterior com a substância ocultada das mais diversas formas.

No ano de 2018, a PF, no Aeroporto de Cumbica, bateu o recorde histórico de apreensões de drogas, atingindo um volume total de quase duas toneladas, sendo 97% deste volume apreendido com passageiros que tentaram ocultar a droga das mais diversas formas, prevalecendo, entre elas, a ocultação em fundos falsos de malas.

Imagem: Divulgação