Parceria entre Prefeitura e Estado promoveu ação de saúde no Sítio São Francisco nesta quinta-feira


Uma parceria entre a Prefeitura de Guarulhos e o governo do Estado de São Paulo promoveu nesta quinta-feira (30), como parte da campanha estadual Inverno Solidário 2022, uma ação de saúde que ofereceu à população dos bairros do entorno da Praça da Cidadania, no Sítio São Francisco, vacinação contra a covid-19, influenza (gripe), sarampo, caxumba e rubéola, além da realização de testes para a detecção de HIV e sífilis.

“Essa integração entre o governo municipal e o estadual é uma ferramenta fundamental de transformação social porque é um meio para alcançar ainda mais habitantes nas regiões mais vulneráveis, trazendo as pessoas para a inclusão social, principalmente as mulheres. A Praça da Cidadania é um projeto importantíssimo que leva conhecimento e informação a quem precisa. Só existem três unidades como essa no Estado e Guarulhos conta com uma delas”, disse o secretário municipal da Saúde, Ricardo Rui.

A iniciativa também abordou questões educativas e orientativas quanto à situação vacinal e à prevenção de infecções sexualmente transmissíveis (ISTs), com a distribuição de preservativos masculinos e femininos. “A atuação extramuros da nossa rede tem o foco de fomentar o conhecimento e a promoção da saúde, bloqueando a cadeia de transmissão de diversas doenças e, consequentemente, os agravos”, explicou a diretora de Vigilância em Saúde de Guarulhos, Valeska Aubin Zanetti Mion.

Ao todo, mais de 40 profissionais do Departamento de Vigilância em Saúde, da Secretaria Municipal da Saúde, participaram do evento. “Recebemos muitos moradores que ainda não tinham tomado a primeira dose contra a covid-19 e que não tinham feito nem sequer um exame para detecção de ISTs ao longo da vida”, apontou Valeska.

Luciene Nascimento, moradora do Sítio São Francisco que faz curso na Praça da Cidadania, aproveitou a oportunidade para receber a quarta dose da vacina contra a covid-19, contra a gripe e também fazer um teste rápido. “Tomei as vacinas e fiz a testagem de HIV e sífilis, exames que eu nunca havia feito em 47 anos de vida. Para nós é uma oportunidade maravilhosa e eu sou muito grata por isso. Falei dessa ação para várias pessoas do meu prédio. O atendimento foi muito rápido”, elogiou.

Além disso, a Prefeitura abordou a prevenção e o controle de animais sinantrópicos (roedores e pombos) e arboviroses (doenças como dengue, zika e chikungunya), além de medidas para evitar o surgimento e a ocorrência de acidentes com animais peçonhentos, como escorpiões, cobras e aranhas, prevenção às zoonoses (esporotricose e raiva) e o que fazer em caso de suspeita.

De acordo com a gerente do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Guarulhos, Karen Avilez, a partir da troca que as equipes tiveram com a comunidade foi possível identificar a urgência em realizar uma busca ativa de animais com suspeita de esporotricose na região. “Falamos com algumas pessoas que mencionaram que seus animais apresentam feridas, então vamos averiguar. Outro ponto positivo foi divulgar às pessoas dessa localidade os cuidados que devem ser tomados em relação à dengue, eliminando os possíveis criadouros, e a escorpiões. Por ser uma área com muitos entulhos e materiais diversos esses animais podem surgir e a ideia é prevenir”, salientou.

A ação de saúde também contou com a participação da presidente do Fundo Social de São Paulo, Luciana Garcia, que assinou um convênio relacionado ao curso de cuidador de idosos oferecido pela Praça de Cidadania. “A Campanha Inverno Solidário dá mais uma passo e, além da arrecadação de cobertores, estamos disponibilizando as nossas unidades da Praça da Cidadania para ações de combate a doenças típicas do inverno, como ocorreu hoje em Guarulhos. E o resultado foi o melhor possível: a população que frequenta e mora próximo à praça participou da vacinação contra a covid e a gripe e das orientações sobre outras doenças. Parabéns aos envolvidos”, ressaltou Luciana.

Sobre a Praça da Cidadania

A Praça da Cidadania, inaugurada em fevereiro de 2021, é um projeto do Governo do Estado executado em parceria com a Prefeitura de Guarulhos, empresas e comunidades locais. O programa promove espaços destinados à proteção e à inclusão social, ao aperfeiçoamento profissional e à participação comunitária de pessoas em situação de vulnerabilidade social.

A praça conta com equipamentos para esportes, lazer e cultura, parque infantil e área de convivência e jogos. O espaço promove cursos de qualificação profissional e apoio ao empreendedor. Os cursos são ministrados pelo Centro Paula Souza e abrangem qualificações nas áreas de beleza, gastronomia, moda, informática e administração. As inscrições podem ser feitas presencialmente ou no site www.cursofussp.sp.gov.br/cidadao.

- PUBLICIDADE -