Para onde estamos indo?

Cada vez mais, tenho reparado que as pessoas estão mais raivosas e tem aumentado o discurso de ódio, principalmente nas redes sociais. Não podemos falar ou postar nada que seja de opinião diferente, que algumas pessoas começam a te atacar e agredir verbalmente. Fico pensando o que causa essas atitudes?

Dias atrás, assisti um filme chamado “I am”. Um documentário onde aborda o comportamento humano como base do seu enredo. E uma das perguntas principais do filme me fez pensar muito: “Qual é o problema do mundo? E o que eu e você podemos fazer com isso?”

Que força sobrenatural está nos levando a essa loucura e raiva? Por que temos que provar o lado certo das coisas? Ainda não entendo o que leva a pessoa a discordar de um assunto que não vai fazer diferença nenhuma na sua vida, com uma pessoa que ela não conhece. O que ela está ganhando com isso?

Porque estamos envolvidos nesse oceano, que faz a gente participar dessas emoções negativas? Para onde estamos indo? E o que vai acontecer depois dessa onda?

Tenho muito medo do que vai acontecer depois desse movimento estressante que estamos passando. As pessoas ainda vão perceber que toda essa energia não leva a nada, que não traz beneficio nenhum. E se querem que as coisas sejam diferentes e que aconteça grandes mudanças, essa mudança tem que começar por nós mesmo.

Toda mudança é individual, é uma parte do nosso livre arbítrio. Nossas escolhas são o ponto de partida dos nossos resultados. E toda ação traz conseqüências. E as conseqüências são verdadeiras e bem reais. Não podemos mudar o resultado depois, mudar o que se passou. As conseqüências sempre vão acontecer. Mas o importante é decidir com sabedoria as nossas escolhas.

Então para que possamos ter mais assertividade na nossa escolha. Sugiro que façamos o que Jesus Cristo no deixou no evangelho de Mateus: “Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem, para que vocês venham a ser filhos de seu Pai que está nos céus. Porque ele faz raiar o seu sol sobre maus e bons e derrama chuva sobre justos e injustos.

E voltando a falar em escolhas. Tudo na nossa vida são resultados de nossas escolhas. Até as pequenas escolhas, mudam todo o resto das nossas vidas, nosso futuro.

Então a dica é: TENHA MUITO DISCERNIMENTO NAS SUAS ESCOLHAS. Elas carregam as conseqüências nos seus caminhos. Procure ter as decisões que valerão a pena. Faça o bem!

Boa sorte!

- PUBLICIDADE -