Os obstáculos existem para ser superados

José Augusto Pinheiro, 57, é jornalista guarulhense, palestrante, mestre de cerimônias, coach e orador da Academia Guarulhense de Letras; é o autor do livro “Dia após Dia, Disciplina e Gratidão”

Nós vivemos tempos delicados, que exigem a constante busca pela paz interior. Experimentamos momentos que nos conduzem facilmente à profunda reflexão no tocante ao que nos falta ou quanto ao que não somos capazes de aceitar. A tendência é nós relacionarmos os pontos obscuros de nossa jornada, os quais, muitas vezes, só existem na nossa mente. Porém, nestes dias de confinamento e introspecção, parecem representar verdades absolutas. O que fazer nas horas mais difíceis?

Quando nós estamos desanimados é comum o desejo de jogarmos tudo para o alto, buscando novos horizontes e, se possível, reiniciarmos a experiência terrena. Alguns poderiam até desejar a improvável solução de evaporarem, como que tocados por mágica. Em condições normais de tempo e temperatura, isso não ocorre. Assim, nós devemos encontrar soluções mais sólidas.

Existe sempre uma excelente razão para nós estarmos aqui. A nossa presença, portanto, é fundamental na ordem geral do Universo. A saída para todo e qualquer problema existe, isto é certo. Nós já compreendemos a verdade de que não enfrentamos nenhuma situação que não nos traga ao menos um ensinamento e, principalmente, que nos enriqueça com a experiência de sua superação.

Diante do obstáculo, a ordem é jamais desistir! As pedras no caminho devem ser enfrentadas com toda a coragem e plena determinação. Não tenhamos medo! Acreditemos no nosso potencial infinito e na imensurável força espiritual. Só a resistência pode nos acrescentar musculatura. A chamada zona de conforto não concede sequer um milímetro na escala evolutiva da Eternidade. Há pessoas que vivem simplesmente gastando o tempo – o maior e mais precioso de todos os bens. Contudo, não haverá reposição para o que for desperdiçado.

Desanimou? Então, 1) não tome nenhuma decisão neste momento; 2) consulte a voz da sua consciência, ore; 3) respire profundamente e beba ao menos 1,5 litro de água por dia; 4) lembre-se das ocasiões passadas nas quais você teve atuação brilhante; 5) levante a cabeça e os braços, e olhe para o alto; 6) diga “Eu posso fazer melhor; eu estou reagindo”; 7) observe: há situações nas quais talvez você possa estender as mãos; e 8) siga o caminho do amor. O seu destino é vencer!

Jamais abandone os seus objetivos. Quem deseja obter resultados expressivos precisa, antes, encontrar a sagrada paciência. Há tempo para tudo. Siga o que diz o seu coração. Como um rio, a vida segue o seu curso natural. Juntos, todos nós superaremos esta extraordinária etapa na História da Humanidade. Olho: As situações delicadas proporcionam importantes ensinamentos; estes, por sua vez, representam o nosso enriquecimento evolutivo.

- PUBLICIDADE -