ONGs da Gerando Falcões quase triplicam captação de recursos após processo de aceleração da Rede


Um estudo realizado pela Gerando Falcões (GF) mostra que, após passarem pelo processo de aceleração, as ONGs da Rede obtiveram um crescimento de 266% na captação de recursos destinados para programas de combate à pobreza e à insegurança alimentar, em comparação com o período anterior à filiação.

Após a formação na Falcons University – braço educacional da Gerando Falcões – os líderes que ampliam suas organizações durante o curso e apresentam maior aproveitamento e resultado em suas comunidades passam a fazer parte do Programa de Aceleração, recebendo um aporte financeiro – que serve como impulso para aumento do impacto na ponta – além de acompanhamento das entregas planejadas, auditoria e desenvolvimento da liderança e dos colaboradores.

Foram consideradas no levantamento as primeiras 28 unidades – atualmente são 37 – tendo em vista que, para um balanço sólido, o comparativo necessitava de dados registrados com instituições que já estavam no programa há, no mínimo, seis meses. Somadas, as ONGs, localizadas em quatro regiões do País, passaram de uma captação de R$ 5,1 milhões para R$ 13,7 milhões, o que representa um salto de 266%.

“O crescimento comprova que a Gerando Falcões, por meio da Falcons University, funciona como um motor potencializador de talentos nas favelas e periferias e que, sobretudo, cumpre seu papel de emancipar pessoas capacitadas para que, por meio de uma gestão eficiente, elas interrompam ciclos de pobreza e transformem a relidade de seus territórios”, afirma Lemaestro, Diretor de Educação da GF.

“As unidades aceleradas são aquelas que, dentre os líderes da nossa rede, após passarem pela Falcons University, recebem um impulso financeiro para o desenvolvimento do seu impacto na ponta, no combate à pobreza. Porém, mais do que isso, o Programa de Aceleração incentiva o líder e o projeto a se tornarem excepcionais em gestão e transformação social. Fazemos um acompanhamento diário de indicadores, metas, prestação de contas e mentorias, visando sempre a transformar a ONG em uma instituição autossustentável””, complementa Ellen Pimentel, Gerente de Expansão de Rede.

Suporte da Gerando Falcões trouxe amadurecimento

Camila Casagrande é líder do Incanto (Instituto de Cultura, Arte e Novas Tecnologias), ONG que tem como missão transformar a vida de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade nas comunidades de Curitiba. O projeto, antes chamado de Grupo de Dança Senses, existe

desde 2008 e foi lançado oficialmente em 2017. Apesar do trabalho de mais de uma década, segundo a gestora, o ingresso na Falcons University foi essencial para um avanço na parte administrativa. “A Falcons e a Gerando Falcões, como um todo, representam uma grande evolução pra mim como presidente do Incanto. Depois que eu entrei, senti um crescimento e um amadurecimento gigantescos nos processos e um entendimento muito mais claro nas partes administrativa e de gestão”, explica Camila.

O Incanto se tornou uma acelerada da Rede no 1º semestre de 2021 e continua recebendo o acompanhamento do time de Operações da Gerando Falcões. No mesmo ano, a captação da ONG chegou à marca de R$ 1,7 milhão, 28 vezes mais do que os R$ 60 mil arrecadados em 2020. O número de voluntários saltou de 74 para 155 na mesma comparação de período. “O que mais levo em consideração foi o amadurecimento na expertise da favela. O quanto olhar para um território de uma forma mais humanizada, estar dentro do território com uma liderança transformou a relação que eu tinha com a favela e com as pessoas. Esse aprendizado eu carrego no peito. Defendo e indico com o maior orgulho”, finaliza a líder, que oferece aulas de dança, teatro, música, circo, artes visuais, cultura e tecnologia.

Vagas abertas

A Falcons University abriu o processo seletivo para capacitação de lideranças sociai em todo o Brasil. Para participar, o interessado deve ter mais de 20 anos e apresentar um projeto ou ação social. Uma equipe técnica da Gerando Falcões avaliará a proposta apresentada pelo candidato, que precisa estar alinhada às necessidades de determinada comunidade ou público diretamente beneficiado, bem como apresentar uma proposta eficiente para lidar com algum aspecto dos graves problemas sociais no Brasil, sendo fundamental tanto para coletivos e pilotos quanto para organizações já consolidadas. O edital contendo as regras e o link para o cadastro estão disponíveis no link: gerandofalcoes.com/falcons-university.

- PUBLICIDADE -