MPF quer que edital de licitação para concessão da rodovia Dutra contemple medidas essenciais de segurança

Com o objetivo de melhorar a segurança no segmento da rodovia Presidente Dutra em Guarulhos, o Ministério Público Federal (MPF) recomenda que o relatório de solicitações e sugestões elaborado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) seja incluído no edital para escolha da futura concessionária, que será elaborado pela Empresa de Planejamento e Logística (EPL).

O relatório faz parte do inquérito civil aberto pelo MPF para apurar deficiências de infraestrutura no trecho que corta o município de Guarulhos. Em visita técnica, foi constatada ausência de iluminação pública e a necessidade de implementação de melhorias em geral. Em resposta ao pedido do MPF, a PRF encaminhou diversas propostas para sanar esses problemas. “O minucioso relatório técnico elaborado pela Polícia Rodoviária Federal prevê medidas simples que salvarão muitas vidas, como a construção de passarelas e iluminação nos trechos urbanos. Como a atual concessão se encerra em fevereiro de 2021, esses projetos devem estar incluídos entre as obrigações da próxima concessionária”, afirma o procurador da República Guilherme Rocha Göpfert, autor da recomendação.