Mais de 900 romeiros seguiram a pé para Aparecida utilizando às margens da via Dutra

- PUBLICIDADE -
Corrida Folha Metropolitana

Da Redação

Com o total de 927 romeiros a pé contabilizados durante o mês de setembro sentido Aparecida na rodovia Presidente Dutra, a CCR NovaDutra intensifica nos próximos dias, sua campanha de orientação sobre a presença de peregrinos a pé, com a distribuição de 20 mil folhetos para os motoristas que passarem pelas praças de pedágio de Arujá, no Alto Tietê e de Itatiaia, no Sul Fluminense.

Mesmo não recomendando este tipo de manifestação às margens da rodovia em função do risco que representa, a expectativa da concessionária é que aumente o número de romarias a pé pelos acostamentos da via Dutra em direção à Basílica Nacional até o dia 14 de outubro, em razão do feriado da Padroeira do Brasil.

Em 2017, em função da comemoração do Jubileu de 300 anos da aparição da imagem da Padroeira foram registrados entre os dias 1º de setembro e 30 de outubro, 22.112 romeiros que caminharam a pé pela rodovia, sendo 18.753 pessoas entre os dias 6 e 13 de outubro, número 117% maior que no mesmo período de 2016.

A CCR NovaDutra não recomenda este tipo de manifestação de fé, em função do risco que representa para os peregrinos que utilizam o acostamento para caminhar. Dados da concessionária revelam que, entre 1º de janeiro e 30 de setembro de 2018, foram registrados cinco acidentes envolvendo romeiros na rodovia, um aumento de 25% comparado ao mesmo período do ano de 2017. No mesmo período, os números ainda revelam que ocorreram sete registros de atropelamentos, com duas vítimas fatais, quatro vítimas leves e uma com ferimentos moderados, aumento de 75%, comparado ao mesmo período de 2017, quando foram registrados quatro atropelamentos, com uma vítima fatal.

Imagem: Divulgação/CCR NovaDutra

- PUBLICIDADE -