Mais de 1.000 famílias deixaram de receber o Bolsa Família neste ano em Guarulhos

- PUBLICIDADE -
Corrida Folha Metropolitana

Lucy Tamborino

Um total de 1,2 mil famílias deixaram de receber este ano os repasses do Ministério da Cidadania, por meio do programa Bolsa Família. Em dezembro de 2018, aproximadamente 40,7 mil recebiam o auxílio já em janeiro deste ano o número caiu para 39,4 mil.

O montante repassado para cidade caiu de aproximadamente R$ 5,84 milhões para R$ 5,81 milhões. A diferença total equivale a R$ 27,8 mil a menos. Já o valor médio do benefício, ou seja, a soma de todos os valores e divisão de número de beneficiários aumentou passando de R$ 143 para R$ 147.

Pode participar do Programa Bolsa Família às famílias que vivem em situação de pobreza e de extrema pobreza. O limite de renda para esses dois patamares atinge R$ 178 mensais por pessoa.

Assim, todas as famílias com renda por pessoa de até R$ 89 mensais podem receber o benefício ou com renda por pessoa entre R$ 89,01 e R$ 178 mensais, desde que tenham crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos. Ainda por meio do Benefício Variável Vinculado à Gestante, famílias com grávidas em sua composição podem participar do programa desde que não ultrapassem o limite de valores estabelecido.

Existe ainda a chamada Regra de Permanência. Quando a renda da família sobe para até meio salário mínimo por pessoa, as famílias podem ficar mais dois anos no programa, desde que atualizem voluntariamente as informações no Cadastro Único.

Imagem: Lucy Tamborino

- PUBLICIDADE -