Maiores índices de dengue são registrados em pessoas com idade entre 20 e 49 anos

Da Redação

De janeiro até agora Guarulhos já confirmou 6.376 casos de dengue com uma morte. De acordo com balanço da Secretaria da Saúde, todas as pessoas em todas as faixas etárias podem ser picadas pelo vetor e contrair a dengue, mas a faixa etária com maior número neste ano foi a de pessoas entre 20 e 49 anos.

Já os bairros que apresentaram maior número de casos foram o Recreio São Jorge, Haroldo Veloso, Cidade Soberana e Cidade Seródio.

Os casos de chikungunya, doença também transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, chegaram a cinco, sem nenhum óbito. Não houve registro de casos de zika vírus.

A pasta ressaltou, ainda, que o trabalho de combate ao Aedes aegypti prossegue com visitas domiciliares, bloqueio de criadouros, inspeção em imóveis estratégicos, entre outras ações.

Imagem: Lucy Tamborino