Iniciativa da prefeitura garante a inclusão de imigrantes haitianos em curso de panificação

Da Redação

A Subsecretaria da Igualdade Racial de Guarulhos participou na última quarta-feira (06) da certificação dos alunos do curso de panificação, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social em parceria com o Fundo Social de Solidariedade e a Associação Paulista de Supermercados (Apas) no Restaurante Popular do Taboão.

A parceria possibilitou que imigrantes em situação de refúgio ou em alta vulnerabilidade fossem incluídos nesse curso, proporcionando qualificação profissional como uma alternativa de renda familiar ou, ainda, a recolocação no mercado de trabalho.

Para o gestor da Subsecretaria da Igualdade Racial, Anderson Guimarães, a parceria não poderia acontecer em melhor oportunidade. “Estamos no Novembro Negro, ocasião em que são discutidos em toda a cidade os efeitos do racismo no dia a dia da população negra, os fatores que levam à desigualdade social e que, nos casos de migração, podem ser agravados pela xenofobia”.

Esta ação afirmativa, que possibilitou a troca cultural entre os alunos, é um importante passo no sentido da inclusão de uma população bastante vulnerável em função de seu pertencimento étnico-racial e da origem estrangeira.

Fonte: Prefeitura de Guarulhos