Habitação de interesse social é discutida em palestra da SDU

Assunto:Palestra Sobre Habitação de Interesse Social Local:Auditório do Paço Data:13.07.2018 Foto:Sidnei Barros/PMG

Da Redação

O auditório do Paço Municipal, no Bom Clima, recebeu na última sexta-feira (13), mais uma edição do projeto Compartilhando Ideias e Experiência, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano. Desta vez, o tema abordado foi “Habitação de Interesse Social” e teve como palestrantes Celso Sampaio, arquiteto dedicado a projetos de interesse social, e Carmem da Silva, liderança de um movimento social de moradia.

Na ocasião, foram discutidas formas de trabalho em conjunto entre o Estado e os movimentos pela moradia para o enfrentamento de questões habitacionais, de forma que os dois lados trabalhem em parceria.

Sampaio falou sobre a história da habitação social no Brasil, que foi apresentada por meio de fotos que relatam processos de construção de diversos locais, principalmente na cidade de São Paulo. Sampaio também ressaltou a importância dos movimentos sociais e apresentou referências de construções sociais bem-sucedidas na cidade de São Paulo, algumas das que teve participação nos projetos.

O arquiteto citou exemplos de situações em que a população pode auxiliar o Estado na construção dos projetos sociais, como no sistema de mutirão de autogestão. Esse sistema já foi utilizado na cidade de São Paulo e funcionava de forma que a população trabalhava na obra, em atividades menores, como auxiliar no carregamento de materiais, a fim de diminuir os custos da construção.

Outros pontos discutidos foram as parcerias com o Estado e novas formas de gestão de empreendimentos e equipamentos de moradia, e como os projetos de moradia social são parte importante na construção de cidadania da população.

Por sua vez, Carmen explicou a importância e as diretrizes dos movimentos sociais organizados e utilizou o exemplo da ocupação do hotel Cambridge para ilustrar esse cenário. O Hotel Cambridge é um edifício desapropriado em 2010. O mesmo foi ocupado em novembro de 2012 pelo movimento por moradia do qual Carmem participa.

Compartilhando Ideias e Experiências

Após a finalização do Plano Diretor e início da elaboração da Lei de Parcelamento, Uso e Ocupação do Solo do Município, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano tomou a iniciativa de elaborar reuniões abertas à população para a sequência do diálogo com a sociedade. A próxima palestra do projeto acontece no próximo dia 26, também no auditório do Paço Municipal, e o tema será Mobilidade Urbana.

Imagem: Sidnei Barros/PMG