Guarulhos se mantém em segundo lugar do estado no IPM

DCIM/100MEDIA/DJI_1042.JPG

Guarulhos se manteve na segunda posição, dentre as 645 cidades paulistas, no Índice de Participação dos Municípios (IPM), com percentual de 3,474%. Os dados preliminares do IPM, ano base 2019, para aplicação em 2021, foram divulgados pela Secretaria da Fazenda do Estado nesta sexta-feira (18). No período anterior, Guarulhos teve percentual de 3,487%.

A primeira colocação ficou com São Paulo com índice de 20,044% na participação. Paulínia ficou em terceiro com uma taxa de 2,810% de IPM, seguida de São José dos Campos, com 2,581% e Campinas com 2,570%.

As prefeituras têm 30 dias, a contar da data da publicação, para apresentar impugnação relacionada aos valores adicionados declarados pelos contribuintes, resultantes de operações e prestações ocorridas em seus territórios no ano-base 2019. As impugnações de cada prefeitura deverão ser apresentadas em uma única petição, endereçada ao secretário da Fazenda e Planejamento, observando-se as normas baixadas pela Coordenadoria da Administração Tributária (CAT).

A Fazenda continuará a analisar as informações enviadas pelas administrações municipais a fim de identificar possíveis incorreções e realizar as retificações necessárias.