Guarulhos lança a sexta edição da Semana do Conhecimento


A Prefeitura de Guarulhos lançou na tarde desta segunda-feira (4) no Adamastor a Semana do Conhecimento 2022, evento de divulgação científica, empreendedora e de inovação que acontece na cidade desde 2017 de forma colaborativa com outras secretarias, instituições de ensino, associações e institutos. Esta será a sexta edição do evento, que acontecerá em outubro também no Adamastor. 

Além de representantes de instituições de ensino da cidade, também participaram do evento o prefeito Guti, o subsecretário de Juventude, César Sousa, e o secretário de Desenvolvimento Científico, Econômico, Tecnológico e de Inovação (SDCETI), Jorge Taiar.

Guti explicou que o governo sempre buscou incentivar as boas práticas no estudo da tecnologia. “Ela serve para que possamos dar saltos de qualidade nos serviços oferecidos no nosso município, e esse evento tem basicamente esse objetivo, o de incentivar um mundo científico e acadêmico em uma parceria entre os setores público e privado”, afirmou. O chefe do Executivo reforçou ainda a importância desse tipo de evento, que interliga o governo com a sociedade e o setor acadêmico para, assim, encontrar soluções para as situações verificadas diariamente na cidade.

O lançamento serviu para sensibilizar e aproximar professores, coordenadores, reitores, diretores de ensino, além de representantes de associações e instituições empreendedoras sobre a importância do evento na formação dos jovens, conceituar e apresentar os quadros e o histórico do evento e explicar os núcleos de cada quadro, bem como seus respectivos coordenadores, e convidar os interessados em participar. 

Quadros

Chrystopher Montenegro, chefe da Divisão de Ciência, Tecnologia e Inovação da SDCETI, apresentou os quadros do evento e lembrou que este pretende democratizar o acesso ao conhecimento tecnológico e exaltar as boas práticas empreendedoras.

A Semana Municipal de Ciência e Tecnologia de Guarulhos (Semcitec), por exemplo, é direcionada ao público universitário e busca fomentar o desenvolvimento da cultura acadêmica, da pesquisa e da inovação na cidade e região, além de propiciar um ambiente favorável para a apresentação de trabalhos científicos.

Já a Feira de Ciências e Engenharia de Guarulhos (Feceg) é uma exposição de projetos em várias categorias com uma competição e é formada por alunos do ensino fundamental II, médio e técnico. A Feceg é classificatória para a Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace).

Por usa vez, a Mostra de Economia Criativa incentiva as boas práticas empreendedoras na cidade e traz casos e produto inovadores, enquanto que a Expocriatividade promove a exposição de projetos e práticas pedagógicas voltados a professores e estudantes da educação infantil, fundamental I e EJA (Educação de Jovens e Adultos).

- PUBLICIDADE -