Governo do Estado estuda oferecer novos serviços no Poupatempo

Lucy Tamborino

Com satisfação de 98,8% dos usuários do Poupatempo, o Governo do Estado de São Paulo estuda ampliar os serviços já oferecidos nas unidades, conforme afirmou à Folha Metropolitana pelo superintendente do Programa Poupatempo, Ernesto Mascellani Neto.

De acordo com ele, o estudo atualmente trabalha em duas frentes: uma é oferecer novos serviços nas unidades do Poupatempo, outra é levar o padrão de atendimento para dentro de órgãos públicos e empresas. Dentre as empresas que o governo está em conversa, de acordo com o superintendente, está a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp).

“O governador entende que esse modelo de Poupatempo deve ser aplicado em novos serviços públicos e defende que as próprias delegacias devem ter esse padrão”, explicou Neto afirmando que ainda não existe um prazo específico para finalizar o estudo, mas que devem ter novas notícias em breve.

Neto afirma que o padrão do Poupatempo tem dado certo e por isso passa por esses estudos. O modelo de atendimento nasceu com as unidades e tem sido analisada maneiras de ampliação. “A gente sabe que não é um padrão simples de ser implementando”, defende.  

O Poupatempo Guarulhos prestou um total de 1,3 milhão de atendimentos em todo ano passado na unidade do Internacional Shopping.

Imagem: Divulgação