GCM comemora 22 anos de existência com entrega de condecorações

Da Redação

O Teatro Adamastor abriu suas portas ontem para a solenidade do 22º aniversário da Guarda Civil Municipal (GCM) de Guarulhos. A data foi marcada pela entrega de condecorações e medalhas comemorativas, medalhas de mérito e láurea de mérito a personalidades civis, guardas civis, policiais, militares e a representantes de instituições públicas e privadas, que tenham contribuído com serviços prestados ao município e à população.

O prefeito Guti fez questão de participar da comemoração dos 22 anos de criação da Guarda Civil Municipal. “Faço questão de parabenizar todos vocês pelo empenho, pela dedicação e pelo trabalho que fazem com que a segurança na cidade melhore. A guarda tem o respeito de diferentes corporações da Polícia Civil e Militar, de entidades e associações, além de autoridades de outros municípios e até de outros estados, que enxergam na GCM uma referência”, salientou.

Na oportunidade, o prefeito, acompanhado pelo secretário para Assuntos de Segurança Pública (SASP), Gilvan Passos e pelo comandante da Guarda Civil, Messias Pires de Carvalho, entregaram condecorações ao comandante da Base Área de São Paulo e coronel aviador, Jailson Oliveira da Silva. Ao chefe de instrução do Tiro de Guerra e subtenente, Fabiano de Oliveira Benevides, ao delegado seccional, Genésio Léo Júnior; ao coronel do CPA-M7 Marco Antônio de Oliveira Faria; ao tenente coronel da PM, Márcio André Silva Nunes, além dos secretários de Segurança Pública de Mogi, Poá, Itaquaquecetuba, Arujá e Suzano, e também a representantes de outros segmentos da sociedade civil.

“A Guarda é para nós um grande orgulho, ela é respeitada por toda a cidade. São homens e mulheres trabalhando para garantir a segurança da população de Guarulhos. Todos que fazem parte e ajudam o trabalho da Guarda merecem ser homenageados”, ressaltou Passos.

Foram agraciados também o 1º inspetor e corregedor da GCM, Francisco Borotta; o inspetor regional, Angelo Lapazini, a inspetora da Patrulha Maria da Penha, Darcy Maria Feitosa e a comandante da GCM de Mairiporã, Márcia Terribile, além de guardas civis de 1ª, 2ª e 3ª classe.

O comandante Messias relembrou o início da GCM na Vila Tijuco, quando a corporação tinha pouco mais de 300 integrantes. “Hoje somos em 770 guardas e fazemos a diferença na cidade. A Guarda Civil tem um contingente valoroso, imprescindível para o município”, fez questão de salientar.

Imagem: Márcio Lino/PMG
Fonte: Prefeitura de Guarulhos