Futsal do Guarulhense adapta forma de treinar durante isolamento

Com o impedimento do treino presencial, devido à classificação de São Paulo na fase emergencial do Plano São Paulo, as equipes de futsal masculino e feminino do Guarulhense se adaptaram à nova realidade e encontraram novas formas de treinamento para que os atletas não percam a competitividade.
Os times femininos dividiram o treino em duas partes, física e tática. “Na primeira, as meninas entram na parte física com a professora Carla durante cerca de 40 minutos. Depois, elas entram comigo em um grupo de Whatsapp única e exclusivamente para estudar o jogo. Crio uma situação na prancheta tática, faço o vídeo e discutimos com as meninas. Na sequência, seleciono na semana alguns vídeos de jogos baseado no que estudamos”, afirma Dennas Oliveira, treinador das categorias sub-15 e sub-17.
O estudo também tem feito parte da rotina dos times sub-16 e sub-18, comandados por Tony Santana. “Eu mando vídeos com situações de jogos para que eles assemelhem em casa. Depois, quando retornarmos ao presencial, faremos exatamente como solicitado, e então eu saberei quem de fato estudou o futsal”, explica Santana.
“Nós montamos dois grupos dos atletas sub-12 e sub-14. O Poá (auxiliar) envia vídeos com exercícios e nós cobramos o retorno pelas redes sociais. A ideia, daqui a alguns dias, é ensinar regras e a parte tática do jogo”, esclarece Wellington Severo, técnico dos times sub-12 e sub-14.
Nas categorias iniciantes, que abrangem os times sub-7, sub-8, sub-9 e sub-10, os treinadores adotaram o treinamento por meio de lives. Os atletas e professores se reúnem em uma chamada de vídeo e trocam experiências e exercícios ao vivo. “Nos da comissão, guiados pelo Luiz (fisioterapeuta), estamos procurando manter os meninos minimamente bem fisicamente com exercícios físicos e técnicos. Para distraí-los, deixamos também desafios para que executem e nos enviem. Uma boa forma para que fiquemos juntos e mais fortes”, relata Márcio Toni, coordenador dos times.
Não há, até o momento, previsão de retomada das atividades presenciais esportivas. O Guarulhense pretende respeitar o decreto do Estado e as recomendações dos órgãos oficiais de saúde.