Fraudadores usam a covid-19 para aplicar golpes em Guarulhos

A Secretaria da Saúde de Guarulhos foi contatada na manhã desta quarta-feira (19) por um pároco da região de Cumbica que alertou para a ação de golpistas que estão se aproveitando da pandemia de covid-19 para clonar celulares e dados pessoais dos cidadãos guarulhenses. Segundo o religioso, os fraudadores ligam para as vítimas se passando por pesquisadores do Ministério da Saúde e fazem perguntas sobre o novo coronavírus. Quando a pessoa responde, o interlocutor diz que vai encaminhar um SMS com código e pede, em seguida, para acessar o número ou informá-lo para a validação da pesquisa.

Porém, segundo o religioso, é nessa hora que o telefone é clonado. Ele afirma já ter sofrido duas tentativas nesse sentido, além de ter conhecimento de paroquianos que foram vítimas desse tipo de golpe. Ao mesmo tempo em que foi comunicada sobre o fato, a Secretaria da Saúde teve acesso a uma mensagem de WhatsApp na qual uma falsa representante do Ministério da Saúde apresenta uma plataforma online para o agendamento da vacina contra a covid-19, pede para digitar ok e informar o código de seis dígitos enviado por SMS.

Além desses golpes, a Secretaria da Saúde ainda foi informada nesta quarta-feira que algumas pessoas que tomaram a vacina da Oxford (AstraZeneca) e que têm agendamento para a segunda dose nos meses de julho e agosto estão sendo contatadas por falsos emails convocando para comparecimento imediato ao posto para completar a imunização.

Diante disso, a Prefeitura de Guarulhos esclarece que não realiza o agendamento para a vacinação contra a covid-19 por WhatsApp ou e-mail. Para tomar a vacina na cidade, os novos grupos contemplados devem efetuar o cadastro no GRU Vacina (https://gruvacina.guarulhos.sp.gov.br/) ou ligar para a Central GRU Vacina, que atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, através do telefone (11) 4968-8870.

Idosos

A partir desta quinta-feira (20), os idosos de 75 anos ou mais que ainda não tomaram a vacina contra a covid-19 podem procurar diretamente a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais perto de sua residência para se vacinar sem a necessidade de cadastramento prévio. A mesma medida passa a valer na próxima segunda-feira (24) para as pessoas com idade igual ou maior que 60 anos que ainda não foram imunizadas.

Para se vacinar, as pessoas dessas faixas etárias devem comparecer das 8h às 16h em uma das 66 Unidades Básicas de Saúde da cidade que estão vacinando, com exceção das UBS Paulista, Alvorada e Dona Luíza, portando documento de identidade com foto, CPF e cartão SUS.