FILME POSSÍVEL: Chegou a hora de conhecer os vencedores da Mostra Competitiva de Curtas

O Festival de Cinema FILME POSSÍVEL, evento 100% online e gratuito viabilizado pelo Funcultura de Guarulhos e pela Lei Aldir Blanc, divulgará os vencedores da Mostra Competitiva de Curtas, nesta quarta-feira, 28/04, a partir das 19h, em live que será exibida em seu canal no YouTube.

Ao todo, 12 produções e 11 cineastas concorrem às premiações em quatro categorias: Melhor Filme, Menção Honrosa, Júri Popular e Jovens Talentos. Todas as obras podem ser assistidas gratuitamente, também no canal do festival.

Os concorrentes são: Tô Indo (Leonardo Henrique da Silva); Interrogação (ou psicopata legalizado) (Moisés Pantolfi); Grupos de Família (Renato Santos); Um filósofo na quebrada (Daniel Neves); Fusca Azul (Wesley Gabriel); Marta Morta (Rubens Mello); O Auxílio (Rafael dos Anjos); Ponteiros (Tirza Araújo); Pinos Mágicos Atacam IV – A Vingança (Moisés Pantolfi); Palavras deste chão (Janaína Reis); Um Dia de Várzea (Renato Queiroz) e Nuvem Baixa (André Okuma). 

Premiações

Todos os vencedores receberão um troféu. Além disso, o vencedor da categoria “Melhor Filme” ganhará uma finalização de áudio para a realização de um próximo curta-metragem produzido futuramente. Esta é uma parceria com a Capitão Foca, empresa responsável pelo MasterClass de Trilha Sonora no FILME POSSÍVEL, bem como pela trilha do longa “Narrativas do Pós”, uma das obras exibidas gratuitamente durante o festival.

Já os eleitos pelo “Júri Popular” e “Menção honrosa” terão direito a três horas de mentoria de produção. Por fim, o escolhido em “Jovens Talentos” será agraciado com uma bolsa de estudos no InC – Instituto de Cinema e poderá escolher um dos quatro cursos disponíveis: Direção de fotografia para cinema, Roteiro para cinema, Direção para cinema ou Produção para cinema.

Idealizador e curador do festival, Guilherme Severo afirmou que ficou muito satisfeito com o nível das obras apresentadas no FILME POSSÍVEL. “A premiação é uma celebração da cultura guarulhense e da sua multiplicidade. Guarulhos tem obras com nível técnico melhorando a cada ano. Temos novos realizadores surgindo e a ideia é que o festival, além de ser esse lugar de encontro, espelho e reflexão sobre cinema, possa estimular também a produção de curtas e longas com qualidade, pois, quando há algo em disputa, ninguém quer perder e o nível técnico aumenta”.

Além da mostra competitiva de curtas o festival trouxe atividades formativas e proporcionou debates com importantes realizadores do Brasil. “Esse diálogo constante é importante para que os realizadores de Guarulhos sejam reconhecidos em outros territórios e para que a cidade seja colocada no mapa do audiovisual no médio prazo. O FILME POSSÍVEL é, sem dúvida, uma das iniciativas que abrem caminho para que isso aconteça mais rápido”, apontou o cineasta.

“O festival foi longo e teve uma proposta de consumo de cultura mais lento durante a pandemia para oferecer uma alternativa que pudesse ser uma jornada pelo cinema. Foram meses de bastante trabalho e é gratificante ter a participação de tanta gente bacana: público, alunos e também os cineastas, que proporcionaram esse conjunto de filmes muito bons que disponibilizamos ao público”, completou.

Serviço

Premiação Mostra Competitiva de Curtas – Festival FILME POSSÍVEL

Quarta-feira, dia 28 de abril, a partir das 19h, ao vivo

Onde assistir: Canal do Festival FILME POSSÍVEL no YouTube