Filhos são os principais agressores de idosos no município

Closeup side portrait of white elderly woman's eyes

Da Redação

Os filhos são os principais agressores de idosos no município. É o que indica o Diagnóstico do Plano Municipal de Direitos Humanos de Guarulhos. Segundo o estudo 50% da violência sofrida pelos idosos são cometidas pelos filhos. As vítimas moram principalmente nos bairros periféricos e, além dos filhos, vizinhos (25%) e cônjuges (25%) também figuram na lista dos agressores.

Segundo dados do Observatório de Direitos Humanos, a população de idosos em Guarulhos é de 100.586 habitantes, o que representa 10,79% da população da cidade. O número aponta a necessidade de políticas públicas de direitos humanos para os idosos que articulem questões como saúde, cultura, educação, mobilidade e segurança pública, entre outras.

Por esses motivos, a realização de um pré-fórum específico para os idosos é relevante e de utilidade pública para a construção democrática e participativa do Plano Municipal de Direitos Humanos, que irá abranger também as demandas da população idosa. Em Guarulhos, o pré-fórum acontecerá nesta quinta-feira (10) no Adamastor Centro, das 9h às 12h. Foram realizados até o momento dois pré-fóruns e o terceiro encontro terá como tema Políticas Públicas para a Pessoa Idosa de Guarulhos.

Imagem: Divulgação/Freepik