Feira Cultural da Diversidade leva atrações à Praça das Pedras

Da Redação

A Feira Cultural da Diversidade 2018, promovida pela Prefeitura de Guarulhos, por intermédio da Secretaria de Assuntos Difusos (SAD) e da Subsecretaria de Políticas da Diversidade (SPD), movimentou a Praça das Pedras, no Macedo, no sábado (14), com diversos DJs, apresentações artísticas, shows e performances. O evento busca reduzir as desigualdades e trazer mais entretenimento e cultura ao público LGBTI.

 

A iniciativa contou com a participação de expositores, igrejas inclusivas, ONG’s, profissionais da Secretaria de Saúde para testagem rápida de HIV, Sífilis e Hepatite C, escritores com livros voltados à temática LGBTI, roupas e acessórios, comissão da diversidade da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), food trucks (praça de alimentação) e outros.

 

A subsecretária da Diversidade, Ana Marques, mesmo otimista pelo crescimento da pasta, que trata de uma temática delicada, lembrou dos desafios e preconceitos que precisam vencer. Ressaltou, ainda, que a SPD faz um trabalho humanizado para esse segmento, com muita garra, carinho e amor. Na oportunidade, Ana agradeceu aos colaboradores e as parcerias. “Estamos à disposição de todos para uma consulta, um acolhimento ou entrevista”, afirmou Ana Marques.

 

Já o secretário Lameh Smeili (SAD) afirmou que a pasta da Diversidade realiza um trabalho acima da média, pois é difícil, exige muita paciência e coragem de luta e acolhimento. Ele ressaltou a importância da garantia dos direitos humanos, bem como o respeito à diversidade.

 

Ações

 

Além da parte artística e divulgação de produtos e serviços, o evento contou com a parceira do Ame Pro Trans Guarulhos, que realizou cerca de 70 testes de HIV, Sífilis e Hepatite C, cujo resultado era apresentado em 15 minutos.

 

Na oportunidade, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), representada pela Comissão da Diversidade Sexual, divulgou a consulta pública do Senado Federal para o Estatuto da Diversidade Sexual e de Gênero que pode ser votada pelo site: http://bit.ly/estatutodiversidade.

 

Imagem: Divulgação