Falta de iluminação pública e furtos na fiação aumentam a violência na Vila Galvão

Por Pedro Lacerda

Assalto em pontos de ônibus, falta de iluminação em diversos postes das vias e até mesmo roubo na fiação telefônica, são alguns dos problemas de segurança encontrados no bairro da Vila Galvão, sobretudo nas ruas Quitandinha e 24 de maio, cuja problemática atrapalha o sono dos moradores.

Proprietária de um comércio na região, Mariana Araújo, 32, relata que já foi assaltada e teve sua fiação roubada em três oportunidades, além da porta de seu estabelecimento ter quase sido estourada. “Eu estava aqui no meu trabalho com a minha filha, dois rapazes me abordaram pressionando a arma contra a minha cabeça e levaram meu celular e o dinheiro do caixa”, disse.

Outros moradores que não quiseram se identificar, informaram à reportagem que já sofreram assaltos no ponto de ônibus na avenida Emílio Ribas e tiveram novamente suas fiações roubadas.

Segundo o Departamento de Iluminação Pública, órgão vinculado à Secretaria de Serviços Públicos, uma equipe será enviada aos locais citados para averiguar a situação e providenciar os reparos necessários. Já a Secretaria para Assuntos de Segurança Pública esclarece que a Inspetoria de Patrulhamento da Área Sul, que é a responsável por efetuar rondas na região da Vila Galvão e adjacências diuturnamente, irá intensificar as atuações nos locais apontados.

Foto: Pedro Lacerda