Faça atividade física entes que você precise

Faço parte de um grupo de proprietários de academias, intitulado núcleo de academias, formado com o objetivo de aproximar estabelecimento, instrumentos, meios, enfim, espaços que na prática curam as pessoas de males relacionados aos hábitos dos dias atuais, tanto físico, emocionais como cognitivos. Algo histórico acontecendo na cidade de Guarulhos e um movimento muito importante na direção de um fortalecimento dos profissionais e gestores da área de Educação Física.

Fizemos três reuniões com objetivos bem específicos, mas logo fomos surpreendidos pelo aumento significativo da pandemia tanto no Estado de São Paulo, como na própria cidade de Guarulhos e nosso foco voltou-se totalmente às medidas preventivas tanto colaboração específica da área da saúde a qual a Educação Física, como também quanto aos prejuízos comerciais estando às academias fechadas.

Certeza que não conseguiria esgotar o assunto quanto aos aspectos, relacionados à complexidade do tema, e da multidisciplinaridade, das áreas econômicas, médicas, jurídicas, políticas relativas à pandemia… Porém não posso deixar de destacar, como de certa forma, a importância para a prática sistematizada de uma atividade física ganhou relevância nas discussões e principalmente nas ações.

Muitas academias, estúdios, treinadores passaram a realizar e oferecer treinamentos online, dicas de saúde, equipamentos adaptados, locais adaptados… Muitos alunos que mantinham uma frequência e hábito procuraram uma adaptação, outros aumentaram a participação e é claro alguns trancaram as matrículas e cancelaram planos. Porém observei um número ótimo de pessoas que passaram do sedentarismo a prática sistematizada de atividade, outros descobriram atividades diferentes da sua rotina, por exemplo, dança lutas e meditação. A importância à prática da atividade física e hábitos saudáveis ganhou uma relevância até por conta do combate ao ostracismo que a quarentena causou, sendo uma forma de ocupação e desenvolvimento emocional e fortalecimento do sistema imunológico.

O retorno, principalmente por questões econômicas, para algumas academias será bem difícil, muitas fecharam as portas e a solidariedade e economia compartilhada será muito importante, porém gostaria aqui de parabenizar e agradecer aqueles que mesmo não estando totalmente reconfortados e amparados tiram forças pra propagar saúde, criar possibilidades, adaptar exercícios, doar seu conhecimento através de aulas até gratuitas, enfim muito obrigado à todos esses guerreiros, proprietários, professores, colaboradores em geral da área da Educação Física.

Dias melhores viram com todo certeza, muitos serão os aprendizados e talvez uma nova ordem mundial possa surgir, que a demonstração de nossa vulnerabilidade quanto a um vírus possa evidenciar a importância de uma estrutura que nos preserve saudáveis, tanto com ações políticas voltadas ao aprimoramento e ampliação da oferta de equipamentos e estrutura para saúde pública, seriedade para o foco em saneamento básico, para as unidades básicas de atendimento, como também um despertar para a auto responsabilidade de cada cidadão e é claro que desperte definitivamente a importância da prática sistematizada de uma atividade física.

Edu Vela