Em Guarulhos, Caio Augusto verifica demandas de advogados para aperfeiçoar OAB

Da Redação

O advogado Caio Augusto, que concorre à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SP) com a chapa 11, visitou ontem alguns escritórios de advocacia em Guarulhos e na região do Alto Tietê para verificar as demandas do que poderia ser aperfeiçoado e o que está efetivamente funcionando.

Além das propostas apresentadas, Augusto já foi presidente da Subseção de Bauru da OAB por dois mandatos e acredita que a experiência deve acrescentar na gestão se eleito. “Penso que essa experiência é fundamental para aquele que pretenda representar efetivamente a advocacia. Costumamos dizer que o advogado é tão advogado independentemente do local que ele esteja, porque é preciso que a seccional compreenda que o advogado do litoral, da capital e do interior do estado são pessoas que todos os dias, no contexto das suas bases, acabam defendendo a maior autoridade de todas num estado democrático, que é o cidadão”, destacou.

O advogado militante e colunista da Folha Metropolitana, Alexandre Cadeu Bernardes, afirmou ver a visita como algo positivo. “Em razão de que ele se mostra comprometido com os problemas da classe e tem uma visão ampla no que pode ser aperfeiçoado e aquilo que vem dando certo, mas tem coragem suficiente para tomar as medidas necessárias. Um trabalho voltado para advocacia e sustentação da ordem enquanto pilar da própria democracia do estado de direito”, explicou.

Já Paula Fernandes, atualmente secretária-geral da OAB Guarulhos, acredita que o empoderamento das subseções é uma proposta importante da gestão. “Eu vejo a importância no projeto que ele tem que é a descentralização das subseções, dando empoderamento, porque tudo que a gente faz hoje na OAB nas subseções precisamos pedir autorização da Seccional, ficaria muito mais fácil trabalharmos se tivéssemos uma autonomia maior”, pontua.

Imagem: Lucy Tamborino