Educação recebe 300 agentes de apoio à inclusão para atendimento multidisciplinar dos alunos


Na manhã desta segunda-feira (1º), durante evento no Teatro Adamastor, a Prefeitura de Guarulhos recebeu 300 agentes de apoio à inclusão que vão atuar nas unidades escolares. Por meio de uma equipe multidisciplinar que conta com psicólogos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, fonoaudiólogos e fisioterapeutas, o atendimento será oferecido aos educandos com deficiência a partir também desta segunda-feira e tem como objetivo ampliar o processo de inclusão educacional dos estudantes com deficiência matriculados na rede municipal de ensino.

Na ocasião o prefeito Guti falou dos avanços conquistados durante a gestão, entre outras melhorias para a acessibilidade e a inclusão social, como as atividades inclusivas que integram o programa Mais Futuro e que são oferecidas nos CEUs da cidade. Os cursos trabalham a inclusão de pessoas com deficiência por meio de jogos adaptados, teatro Down e teatro para surdos.

 “Nossa prioridade é investir nas crianças. A gente quer fazer a educação chegar a todas as pontas para que todos tenham as mesmas oportunidades. Essa é a nossa obrigação e é dessa forma que vamos continuar fazendo”, destacou Guti.

A rede municipal possui 64 salas de AEE (Atendimento Educacional Especializado) e o TIX letramento, equipamento que auxilia no desenvolvimento dos alunos com deficiência de forma lúdica e interativa, além de proporcionar autonomia. Há 500 estagiários de pedagogia e 30 estagiários de enfermagem, além das impressoras 3D, por meio das quais os professores conseguem fazer a impressão de materiais táteis para os educandos cegos e com baixa visão, e ainda outros materiais adaptados para atender às necessidades dos alunos.

Também estiveram presentes no Adamastor o secretário de Educação, Alex Viterale, a subsecretária Fábia Costa, a diretora do Doep (Departamento de Orientações Educacionais e Pedagógicas), Solange Turgante, e demais profissionais da educação.

Durante o evento os alunos do CEU Continental do projeto Down em Cena, iniciativa que busca por meio do teatro incluir e desenvolver as habilidades psicomotoras e expressivas para aqueles que têm síndrome de Down, fizeram uma apresentação, bem como as alunas de dança do ventre. Houve ainda outras apresentações dos cursos dos CEUs da cidade que fazem parte do Programa Mais Futuro, ação que contribui para a aprendizagem de crianças, jovens e adultos ao mesmo tempo em que promove a qualidade de vida ao atuar como um agente de transformação social da população.

Ação formativa

Na última semana os agentes de apoio à inclusão receberam ação formativa com foco no trabalho que será realizado com as crianças com deficiência. A formação envolveu todos os profissionais da Divisão de Políticas para Diversidade e Inclusão Educacional da Secretaria de Educação, além de apoio multiprofissional. Os temas abordados durante a formação foram relevantes para as atividades de vida diária, que contribuem para a autonomia e a qualidade de vida dos educandos.

“Com a contratação desses agentes oferecemos oportunidade para um atendimento adequado aos nossos alunos, avançando cada vez mais para uma educação inclusiva em nossa cidade”, destacou o secretário Alex Viterale.

 Além dos agentes de apoio à inclusão, também participaram da formação supervisores do Núcleo Batuíra e da Associação Interação. Eles receberam orientações sobre direitos humanos e ética na escola, comunicação alternativa e aumentativa, o acolhimento e atendimento integral do educando com deficiência visual, concepções e perspectivas do atendimento bilíngue para surdos do município de Guarulhos, o atendimento educacional especializado e o processo histórico da deficiência e sua prática na escola.

- PUBLICIDADE -