EDP investe R$ 97 milhões em Guarulhos em 2020 e lança Operação Verão

Com a chegada do período chuvoso, durante o qual a rede fica mais suscetível a impactos externos, a EDP, distribuidora de energia elétrica de Guarulhos, intensifica sua atuação e, com isso, lança oficialmente a Operação Verão 2020/2021, consolidando todo o trabalho realizado durante o ano e reforçando seu efetivo para as situações de emergência, com o objetivo de minimizar o impacto das condições meteorológicas ao fornecimento de energia.

Neste verão, segundo o Climatempo, a previsão é de tempestades com muita severidade, incluindo temporais com fortes ventos e descargas atmosféricas em localidades concentradas. Para o atendimento das possíveis ocorrências, serão mobilizados cerca de 900 colaboradores, entre engenheiros, técnicos, eletricistas e gestores, que atuarão continuamente para reparar o sistema elétrico em caso de necessidade, além de recompor as redes danificadas.

Com relação aos canais de relacionamento com o cliente, atualmente, 94% das chamadas pelo Call Center da EDP são atendidas em até 30 segundos. Entretanto, em momentos de grande volume de ocorrências, como em dias de temporais, pode haver congestionamento nas chamadas e, por isso, o efetivo da central de atendimento será reforçado em mais de 20% durante a Operação Verão.

A Companhia também ampliou seus canais virtuais de contato com o cliente. Em junho, lançou o atendimento via WhatsApp. Ao adicionar o número (11) 93465-2888 é possível solicitar os serviços mais demandados pelos usuários da Distribuidora, incluindo o registro de falta de luz. Sem depender da central de atendimento telefônico, a solicitação relacionada a interrupção no fornecimento também pode ser rapidamente registrada, enviando SMS para 28037, com a mensagem Falta Luz, além do contato por meio do site EDP Online, www.edponline.com.br e pelo aplicativo para smartphone EDP Online.

“Atuamos firmemente durante o ano de 2020 com muito comprometimento dos nossos colaboradores e agora começamos a Operação Verão com ânimo total, reforçando nosso corpo de atendimento em todas as áreas de atuação para minimizar o impacto das mudanças climáticas no sistema energético da região e, garantindo assim, mais segurança e qualidade no serviço prestado aos nossos clientes e sociedade”, diz Marney Antunes, diretor da EDP.

Neste ano, por conta da pandemia da Covid-19, a energia elétrica se tornou um insumo ainda mais essencial à vida das pessoas e, para assegurar a excelência nos serviços prestados, a EDP investiu R$ 97 milhões em Guarulhos em 2020. Os investimentos fazem parte do plano de atuação contínua da Companhia, que já aportou mais de R$ 1,3 bilhão nos últimos cinco anos em toda a área de concessão.

Estes aportes acompanham o desenvolvimento da cidade e ampliam a confiabilidade do sistema elétrico local, trazendo mais robustez e possibilitando a ligação de novos consumidores residenciais, comerciais e industriais. Os recursos também foram usados para a modernização do sistema existente, com a substituição de cabeamento comum por cabos com tecnologia que proporciona maior proteção contra agentes externos, como pipas, galhos, árvores inteiras e objetos lançados, principalmente, em dias de chuvas e ventos. Ao todo, foram substituídos 38 quilômetros de rede na região, substituídos ou implantados 202 postes, e instalados 40 religadores automáticos, equipamentos que contribuem para reduzir a abrangência de ocorrências com interrupção do fornecimento de energia.

A poda da vegetação que impacta a rede elétrica também faz parte do trabalho da EDP e o serviço é realizado de forma contínua pela Companhia. Além disso, para contribuir com a saúde e segurança da arborização urbana, a EDP realiza inspeção e mapeamento de árvores em má situação com o uso de um tomógrafo ambiental (penetrógrafo), aparelho que permite a avaliação interna da árvore e auxilia no diagnóstico de possíveis riscos, para alinhamento de possíveis ações junto aos órgãos ambientais da cidade.

“Este ano exigiu da Companhia inovações e cuidados especiais para garantir o fornecimento de energia, serviço essencial, com excelência a todos nossos clientes. Seguimos com as obras e modernizações do sistema elétrico de Guarulhos, buscando garantir uma infraestrutura energética alinhada com a expectativa de crescimento do município. É importante destacar que a segurança é nosso princípio número 1 e nossos colaboradores estão seguindo todas as medidas sanitárias determinadas pelos órgãos competentes”, reforça Marney Antunes. 

Covid-19

Para garantir o máximo de segurança ao fornecimento de energia aos hospitais, unidades de saúde e locais considerados de serviço essencial durante a pandemia, a EDP realizou inspeções técnicas na rede elétrica que abastece todas estas instalações localizadas em sua área de concessão, realizando serviços preventivos e possíveis melhorias.

Além disso, a EDP, que já tem em sua cultura o incentivo a causas e organizações sociais, exemplificado pela atuação do Instituto EDP e do voluntariado, neste momento intensificou suas ações. Desde o início da pandemia, a Companhia destinou mais de mais de R$ 10 milhões para o enfrentamento da Covid-19 em todo o País. Em Guarulhos, a EDP apoia iniciativas que envolvem empreendedorismo social e doação de máscaras por meio dos projetos Rede de Proteção contra o COVID-19, na Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPIs) Lar Madre Regina e com o projeto Banho pra geral, que levou banho e itens de higiene para pessoas em situação de rua.

A Empresa também atua ao lado da sociedade, escolas e prefeituras, a partir dos projetos de eficiência energética e, além do estímulo ao uso seguro e racional da energia, a EDP incentiva a preservação dos recursos naturais por meio de substituição de equipamentos. No período, foram trocadas mais de 131 mil lâmpadas de maior consumo por LED de moradores da área de concessão, poupando 3,6 megawatts-hora (MWh/ano) de energia, o equivalente ao consumo médio anual de mais de 1.700 famílias. Além disso foram instalados painéis fotovoltaicos em 10 escolas municipais e implantadas cerca de 2,5 mil luminárias de LED na iluminação pública nas cidades de São Sebastião, Aparecida, Cruzeiro, Poá e Caçapava, trazendo economia e eficiência à gestão pública desses municípios.