EDP instala mais duas estações de recarga de veículos elétricos no GRU Airport

Com o objetivo de contribuir com a expansão da rede de abastecimento de veículos elétricos no país em 2021, a EDP, empresa que atua em toda a cadeia de valor do setor elétrico, anuncia a implantação de mais duas estações de recarga no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, uma delas no Estacionamento do Terminal 1 e outra no Edifício Garagem do Terminal 3. Com esta entrega, a empresa totaliza três eletropostos instalados no aeroporto – um em cada terminal.

Considerado o maior aeroporto do Brasil e da América do Sul, sendo o segundo mais movimentado da América Latina em número de passageiros transportados, o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, é um local estratégico para a Companhia. “Com esta iniciativa, a EDP vai dotar um dos principais hubs de circulação de pessoas no Brasil de infraestrutura de recarga de veículos elétricos, dando a maior visibilidade possível à experiência de carregamento descomplicada proporcionada pela EDP Smart”, afirma Carlos Andrade, vice-presidente de Clientes da EDP no Brasil.

Com potência de 22 kW e carga semirrápida, cada carregador abastecerá até dois veículos simultaneamente em Corrente Alternada (AC) com o conector Type 2. Dependendo do modelo do carro, é possível garantir autonomia de 100 quilômetros após 40 minutos de carregamento, possibilitando que o carro permaneça menos de 1 hora dentro do estacionamento do aeroporto. Uma vez que o uso das estações de recarga será gratuito, é possível fazer a recarga pagando apenas pelo tempo de uso do estacionamento.  O acesso às estações de recarga estará disponível por meio do aplicativo EDP EV Charge BR ou do cartão Ev.Card.

A primeira estação de recarga da EDP no Aeroporto de Guarulhos foi inaugurada ainda em 2020, em uma parceria com a Beep Beep, empresa de compartilhamento de carros elétricos. As três vagas com carregadores semirrápidos da empresa ABB estão localizadas na área Premium B do estacionamento do Terminal 2. A EDP conta, atualmente, com um total de 50 pontos de recarga ativos no País.

Tendência necessária

Mesmo em um ano atípico como 2020, o segmento de mobilidade elétrica da EDP Smart teve crescimento. Foram registradas 3.200 recargas ao longo do ano, um aumento de 89% em relação a 2019. De 2018, quando a Companhia inaugurou seus primeiros eletropostos, a 2020, mais de 27 toneladas de CO₂ deixaram de ser emitidas graças ao investimento feito neste tipo de infraestrutura.

A EDP tem o compromisso global de eletrificar 100% de sua frota até 2030, assim como desenvolver novas ofertas e soluções comerciais que promovam a transição energética. Dentre as iniciativas, a companhia lidera a implantação Plug & Go, a primeira e maior rede de recarga ultrarrápida de veículos elétricos da América do Sul, com 30 estações de carregamento. O projeto tem parceria com Volkswagen, Audi e Porsche e outras empresas fornecedoras de tecnologias de recarga. Com investimento de R$ 32,9 milhões, o empreendimento conectará um total de 64 pontos de carregamento que interligam a capital paulista ao interior e a capitais de outros estados, formando um corredor de abastecimento de automóveis elétricos com mais de 2.500 quilômetros de extensão.

De forma pioneira, em novembro de 2020, a EDP firmou uma parceria com a Embraer para a pesquisa do avião elétrico. Por meio da divisão EDP Smart, foi realizado um aporte financeiro para a aquisição da bateria do avião demonstrador de tecnologia de propulsão 100% elétrica, que utiliza um EMB-203 Ipanema como plataforma de testes. O protótipo, que já está em desenvolvimento, tem o primeiro voo previsto para 2021. O investimento faz parte do acordo de cooperação que as duas empresas assinaram para avançar no conhecimento de tecnologias de armazenamento de energia e recarga de baterias para a aviação – um dos principais desafios do projeto.