Doze estabelecimentos foram autuados no primeiro dia da fase vermelha em Guarulhos

Doze estabelecimentos, entre bares, adegas, padarias, restaurantes, salão de cabeleireiro e academia, foram autuados neste sábado (6) por descumprimento às determinações da fase vermelha do Plano São Paulo, do governo estadual. Os estabelecimentos, que ficam nos bairros Jardim Presidente Dutra, Pimentas, Jardim Lenise, Jardim Ponte Alta e Taboão, estavam realizando atendimento presencial, o que não é permitido neste momento. Alguns até mesmo geravam aglomerações. 
O secretário de Desenvolvimento Urbano (pasta responsável pelas fiscalizações), Bruno Gersósimo, afirma que a intenção da fiscalização não é prejudicar o comerciante, mas sim fazer valer as regras. “Não temos outra opção. Precisamos e vamos fiscalizar para garantir que todos estão dentro das conformidades. Não queremos prejudicar ninguém com multas, mas se a pessoa não colaborar, não temos outro caminho”, disse. 
Fase vermelha
Na fase vermelha do Plano São Paulo, atual classificação de Guarulhos, apenas serviços essenciais como mercados, farmácias e equipamentos de saúde, entre outros, podem oferecer atendimento presencial ao público. Os demais comércios devem realizar vendas online e por telefone e realizar entregas ou disponibilizar a opção de retirada. 
A lista de serviços essenciais pode ser consultada no decreto 37.791/2021, publicado no Diário Oficial deste sábado: https://www.guarulhos.sp.gov.br/uploads/pdf/818397045.pdf.