Diplomação de eleitos em SP tem confusão envolvendo Alexandre Frota e ativista

SP - DIPLOMAÇÃO-CANDIDATOS-ELEITOS-SP - GERAL - Jesus dos Santos, membro da Bancada Ativista (PSOL-SP), é impedido de receber o diploma junto com a deputada Mônica Seixas durante a cerimônia de diplomação realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral, na Sala São Paulo, região central de São Paulo (SP), nesta terça-feira (18). 18/12/2018 - Foto: NEWTON MENEZES/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Da Redação

A diplomação de políticos eleitos em São Paulo se transformou em confusão ontem na Sala São Paulo. No momento em que a deputada estadual eleita Mônica Seixas (PSOL) foi chamada para receber o diploma, um grupo do coletivo Bancada Ativista invadiu o palco e tentou acompanhar a parlamentar no recebimento.

O grupo tem a tese de mandatos coletivos, defendendo que a cadeira conquistada pertence a um grupo e não a uma pessoa. O ativista Jesus dos Santos insistiu em ficar no palco e discutiu com parlamentares e seguranças. O deputado federal eleito Alexandre Frota(PSL) chegou a empurrar Santos em meio à confusão.

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, desembargador Carlos Eduardo Cauduro Padin, pediu que Santos fosse retirado do local, mas voltou atrás após o ativista concordar em ficar na plateia.  “Temos que administrar as divergências, as pessoas têm que obedecer as leis, a ordem e as autoridades”, disse o desembargador.

Imagem: Newton Menezes/Estadão